Lenovo confirma que o Z6 terá uma bateria de 4.000 mAh

Por Rafael Rodrigues da Silva | 26 de Junho de 2019 às 22h10
Lenovo/Weibo
Tudo sobre

Lenovo

Saiba tudo sobre Lenovo

Ver mais

Na última terça-feira (25) o vice-presidente da Lenovo, Chang Cheng, usou a rede social chinesa Weibo para confirmar que o Lenovo Z6 — o próximo lançamento da companhia que promete ser o smartphone de nível intermediário mais potente da categoria — virá mesmo equipado com uma bateria poderosa de 4.000 mAh.

De acordo com a postagem de Cheng, a bateria permitirá que o Lenovo Z6 funcione por até 30 horas e meia em cenários de uso ativo, ou seja, com Wi-Fi e 4G ligados e rodando programas como o navegador e apps de redes sociais — o que equivale a praticamente dois dias de uso com uma única carga da bateria. A companhia também confirmou a informação que a bateria permitirá usar o aparelho por até 38 horas contínuas de ligações telefônicas, 26 horas contínuas de reprodução de vídeos, e 16 horas contínuas rodando jogos.

Postagem feita na rede social chinesa Weibo que confirma o tamanho da bateria do Z6 (Imagem: Lenovo)

A empresa também revelou que o aparelho terá suporte a carregadores de 15W do tipo QC 3.0 ou e a carregadores do tipo fast charging de 18W, o que permitirá ao usuários uma carga suficiente para jogar por duas horas em apenas 15 minutos. Apesar da bateria com alta capacidade, a Lenovo garante que o Z6 terá uma espessura de apenas 8mm, o que é incrivelmente fino para um aparelho com toda essa capacidade de carga.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Além dos detalhes sobre a bateria, o que já sabemos sobre o Lenovo Z6 por enquanto é que o aparelho utilizará um processador Snapdragon 730 de 8nm (que possui o mesmo núcleo Kryo Core do Snapdragon 855) com velocidade de 2,2 GHz, que significará uma mehoria de 35% da velocidade de processamento em comparação ao Z5. Ainda não há uma data exata para quando o aparelho será lançado, mas espera-se que isso deva acontecer nos próximos meses.

Fonte: Gizchina

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.