Huawei Mate 40 Pro deve vir com o chip Kirin 1000 em vez do 1020

Por Rubens Eishima | 25 de Maio de 2020 às 17h30
Tudo sobre

Huawei

Saiba tudo sobre Huawei

Ver mais

Um novo celular da linha Mate é esperado para o segundo semestre deste ano. Diferentemente do que apontavam os rumores até agora, porém, o modelo não deve trazer o chip Kirin 1020. Pelo menos é o que aponta o perfil @rodent950, que publicou em sua conta no Twitter que o processador usado será o Kirin 1000.

Independente do nome do chip, o componente seria fabricado pela taiwanesa TSMC, usando o processo de litografia de 5 nanômetros, o mesmo esperado para o chip que equipará o iPhone 12, também no final de 2020.

O boato surge logo após a extensão das sanções econômicas impostas pelo governo dos EUA à chinesa Huawei, restringindo o fornecimento de componentes feitos com tecnologias norte-americanas, não importanto o país de fabricação.

A medida do governo Trump não se aplica a pedidos feitos antes da sanção, o que permitiria à TSMC fornecer chips encomendados pela Huawei antes da assinatura da nova regra. Vale lembrar que a Huawei é uma das maiores clientes da taiwanesa, alcançando o segundo lugar em volume de pedidos feitos à fabricante, atrás apenas da Apple.

Além dos pedidos antecipados, acredita-se que a Huawei tenha se preparado contra o endurecimento do bloqueio norte-americano aumentando os estoques de componentes. De qualquer forma, a medida não passa de um paliativo, já que a empresa não tem alternativas para produção de chips nos processos mais avançados usados nos modelos topo de linha, ao contrário do que acontece com os processadores básicos.

Fonte: GizmoChina

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.