Produtoras vão transformar fiasco do WeWork em série de TV

Por Wagner Wakka | 12 de Dezembro de 2019 às 11h40
Divulgação

A WeWork vai virar série de televisão. Você não entendeu errado, estamos falando da empresa que criou o negócio de escritórios compartilhados. A informação vem da Variety, a qual confirmou a produção.

Segundo o site, a Chernin Entertainment e a Endeavor Content compraram os direitos do livro dos jornalistas Maureen Farrell e Eliot Brown do Wall Street Journal. Os dois cobriram toda a saga de lançamento do projeto, bem como as dificuldades do negócio.

As produtoras também já têm até ator em vista: Nicholas Braun deve ser interpretar Adam Neumann, um dos fundadores do WeWork. Atualmente ele é conhecido pela atuação em Succession, série da HBO.

Ainda conforme a Variety, o projeto ainda está em fase inicial, sem roteirista ou outros integrantes. Braun também é confirmado como produtor executivo além de protagonista na trama.

A série deve contar a história do fiasco da abertura de capital do WeWork. Reconhecida como uma das grandes ideias recentes, o mercado de compartilhamento de escritório se mostrou fértil em todo mundo, incluindo o Brasil. A empresa estrava prestes a abrir seu capital com valor estimado em US$ 50 bilhões. Contudo, casos de má gestão e problemas com modelo de negócio fizeram a companhia desistir da ideia. O fiasco foi tão grande que Neumann saiu da empresa e a WeWork foi resgatada pelo SoftBank, que assumiu o seu controle.

A empresa também deve aparecer em outra produção audiovisual. A Universal e a Blumhouse já estão fazendo um filme sobre a companhia, com roteiro de Charles Randolph, quem também fez o premiado A Grande Aposta (2015), que explicava a origem da crise financeira de 2008 nos EUA e está disponível no Netflix.

Fonte: Variety

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.