Novo malware que afeta smartphones já roubou um milhão de contas Google

Por Redação | 05 de Dezembro de 2016 às 13h08

A Norton alertou, nesta segunda-feira (05), sobre um novo malware que comprometeu mais de um milhão de contas do Google e vem crescendo a uma taxa média de 13 mil infecções por mês. Batizado de Googligan, a praga virtual baixa aplicativos em dispositivos infectados sem o conhecimento das vítimas.

De acordo com a firma de segurança digital, o Googlian vinha se espalhando através de aplicativos infectados baixados em lojas de terceiros, acessando links maliciosos em mensageiros instantâneos e em e-mails. Ao ser instalado, o malware baixava apps da Play Store e os classificava automaticamente, sem que os usuários soubessem disso, numa tentativa de aumentar a reputação desses softwares e gerar receitas com adwares.

Além disso, o Googlian roubava o e-mail e as informações de autenticação dos incautos, o que permitia aos crackers ter acesso à Google Play, Gmail, Google Fotos, Google Drive e outros serviços da empresa.

Ainda segundo a Norton, a única maneira de se livrar completamente do Googlian é formatar o smartphone, fazendo uma reinstalação limpa do sistema operacional. Também é recomendado que os usuários troquem as senhas de sua conta Google assim que o smartphone for formatado.

Contatado, o Google disse já ter removido da Play Store os aplicativos que eram baixados pelo malware e que está notificando os afetados.