Google e Apple sofrem multa milionária na Itália sob acusação antitruste

Google e Apple sofrem multa milionária na Itália sob acusação antitruste

Por Dácio Castelo Branco | Editado por Claudio Yuge | 26 de Novembro de 2021 às 20h30
Foto: Laurenz Heymann (Unsplash)

A Agência italiana de Concorrência multou, nesta sexta-feira (26), num total de 20 milhões de euros (R$ 126,6 milhões, na cotação atual) o Google e a Apple por não informarem como usam os dados coletados de seus clientes.

O órgão italiano, no informe da multa, afirmou que o Google e a Apple coletam informações de seus clientes através de seus perfis, mas não fornecem informações precisas sobre como utilizam esses dados, internamente. Cada empresa recebeu uma multa de 10 milhões de euros (R$ 63 milhões)

A agência acusa a Apple de não especificar para seus clientes quais dados são usados para fins comerciais e como eles são utilizados. Segundo o órgão italiano, a empresa só pergunta para os usuários de seus dispositivos e programas se eles permitem o uso das informações para esses fins, sem detalhes.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Já o Google foi acusado de usar um pedido indispensável durante a criação de novas contas em seus serviços que obriga os usuários a se registrarem em todos os produtos da empresa.

Além disso, esse pedido, quando aceito, permite de forma definitiva que o Google colete e utilize informações pessoais dos usuários para fins comerciais, com o consumidor nunca mais sendo alertado sobre este processo.

O Canaltech entrou em contato com as assessorias do Google, que enviou o seguinte comunicado em relação à decisão da agência italiana:

Temos práticas transparentes e justas para fornecer aos nossos usuários serviços úteis e informações claras sobre seu uso. Fornecemos às pessoas controles simples para gerenciar suas informações e limitar o uso de dados pessoais, e trabalhamos duro para estar em total conformidade com as regras de proteção ao consumidor. Não concordamos com a decisão da Autoridade e iremos apelar.

Já a Apple avisou que não comentará o caso.

Cerco europeu contra monopólio

Amazon da Itália também foi multada. (Imagem: Divulgação/Amazon)

Nos últimos meses, os países da União Europeia começaram a aumentar as sanções financeiras contra empresas de tecnologia como Amazon, Apple e Google, em um esforço coletivo para regulamentar as operações dessas companhias e evitar o monopólio.

Um exemplo recente ocorreu na última terça-feira (23), quando a agência italiana de concorrência aplicou uma multa de 68,7 milhões de euros (R$ 434 milhões) para a Amazon e outra de 134,5 milhões de euros (R$ 851 milhões) para a Apple.

Essa multa foi aplicada por conta de um contrato entre às duas empresas, que proibia alguns revendedores de dispositivos de anunciarem seus produtos na Amazon italiana. A prática foi considerada anticompetitiva pelo órgão italiano.

Fonte: BleepingComputer

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.