Estado Islâmico agora está de olho no planeta Tatooine de Star Wars

Por Redação | 30.03.2015 às 08:09

Depois de destruir uma série de monumentos históricos e religiosos na Síria e no Iraque, o Estado Islâmico agora mira um outro ponto de referência importante: o planeta Tatooine, uma das paisagens mais icônicas da cultura moderna e de grande apelo para os fãs da série Star Wars.

Pode parecer piada, mas a coisa é realmente séria. Isso porque o local que inspirou o diretor George Lucas a criar um dos cenários mais marcantes da franquia e serviu como cenário de gravação para vários filmes existe e agora é alvo do grupo extremista.

Como as ruínas da cidade de Tataouine, na Tunísia, ficam a apenas algumas poucos quilômetros de distância da área de atuação da organização, muitos soldados do Estado Islâmico já começaram a visar os milhares de turistas que visitam o local para conhecer o berço da família Skywalker e isso cria um sério problema de segurança na região.

E essa proximidade já começou a trazer mais dores de cabeça do que simples ameaças a quem vai conhecer o lugar. Segundo a rede de notícias CNN, foram encontradas armas e uma boa quantidade de munição próximo à localidade, o que só torna as coisas ainda mais delicadas.

Como se não bastasse, a situação se agrava principalmente após pessoas do mundo todo começarem um movimento nas redes sociais para incentivar as pessoas a visitarem o país como forma de incentivar o turismo e a economia local em resposta aos recentes ataques do grupo a um museu na capital Tunis.

Seja como for, fica a torcida para que a situação se acalme por lá e que os cenários de Star Wars continuem intactos e, principalmente, que os turistas possam conhecer a cidade em segurança. Que a Força esteja com todos.

Via The Guardian