NASA e ESA premiarão propostas de pesquisas que ajudem no combate ao coronavírus

Por Daniele Cavalcante | 02 de Abril de 2020 às 16h30
Miroslava Chrienova/Pixabay

A NASA e a ESA (agências espaciais dos Estados Unidos e Europa, respectivamente) estão convocando empresas e pesquisadores para enviarem propostas de auxílio à população no combate à pandemia do novo coronavírus, causador da doença COVID-19. As agências vão selecionar e premiar, com ajuda financeira, as melhores propostas de pesquisas ou de serviços de assistência.

No dia 1º de abril, a ESA anunciou seu projeto chamado “Space in response to COVID-19 outbreak,” ("O espaço em resposta ao surto de COVID-19", em tradução literal), em cooperação com o governo italiano. A agência pede a empresas em toda a Europa que enviem propostas que possam usar recursos espaciais - como redes comunicação e satélites que observam a Terra - na luta contra o coronavírus.

As empresas selecionadas receberão 2,5 milhões de euros em financiamento, além acesso gratuito a recursos de satélites. Essas propostas deverão ser usadas principalmente para ajudar a Itália, que sofre com altos índices de contaminação e vítimas fatais, mas também poderão se expandir para ajudar outros países europeus. As propostas devem ser enviadas até 20 de abril para análise pela ESA.

Já a NASA solicita propostas que façam “uso inovador dos dados de satélite da NASA para lidar com os impactos ambientais, econômicos e/ou sociais, desde regiões locais a global, da pandemia de COVID-19”. Também poderão ser usados satélites de parceiros internacionais da NASA. A agência está interessada principalmente em estudos de como as mudanças nas atividades causadas pela pandemia afetaram o ambiente da Terra.

Dados do "antes e depois" das áreas afetadas pela pandemia são de particular interesse para a NASA. De acordo com membros do comitê da agência, essas informações são uma oportunidade única para entender melhor os efeitos das atividades humanas no nosso planeta.

Além disso, a agência anunciou, também no no dia 1º de abril, que estava buscando ideias de seus funcionários sobre como contribuir no combate a uma pandemia. Através de uma plataforma interna, os funcionários são convidados a enviar propostas sobre como a NASA poderia oferecer novas abordagens para o desenvolvimento de equipamentos e para prever a propagação da doença, bem como seus efeitos na sociedade.

Fonte: ESA, NASA, SpaceNews

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.