Twitter arrecada 20% a mais que há um ano, mas base de usuários cresce só 3%

Por Redação | 26.07.2016 às 19:31

A companhia Twitter, que opera a rede social de microblogs de mesmo nome, anunciou seu resultado financeiro de seu segundo trimestre fiscal. Em termos de arrecadação, a empresa pode comemorar: foram US$ 602 milhões, 20% a mais que no mesmo período do ano passado.

O grosso das vendas são os anúncios: foram US$ 535 milhões vindos desta fonte, um aumento de 18% no ano a ano. Desse montante, 89% veio das plataformas móveis. O licenciamento de dados e as outras receitas geraram US$ 67 milhões.

Os Estados Unidos respondem por US$ 361 milhões da receita, alta de 12%, enquanto a parte internacional foi de US$ 241 milhões e cresceu 33%. Mesmo com a boa arrecadação, a empresa fechou no vermelho no balanço reportado: um prejuízo de US$ 107 milhões. No relatório ajustado, porém, o resultado foi um lucro de US$ 93 milhões.

No período entre abril e junho deste ano, a rede de microblog teve 313 milhões de usuários ativos mensais em média, uma alta de 3% em relação ao mesmo período de 2015. No primeiro trimestre deste ano havia 310 milhões de usuários ativos mensais, também na média. 82% da base de tuiteiros está nas plataformas móveis.

Os tuiteiros dos Estados Unidos somam 66 milhões e aumentaram em 1% em um ano, enquanto os usuários de outros países somam 247 milhões e cresceram 4%. O Twitter vem buscando novas estratégias para aumentar a popularidade de seu serviço, no entanto. Desde o começo do mês, passou a transmitir ao vivo torneios esportivos, como o de Wimbledon e os jogos da NBA. Fica a expectativa para ver se esses esforços vão dar certo.

Com informações do SEC.