Instagram vai lembrar você de dar um tempo da rede social

Instagram vai lembrar você de dar um tempo da rede social

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 07 de Dezembro de 2021 às 11h35
Souvik Banerjee/Unsplash

Após um mês em testes, o Instagram lança oficialmente o “Take a Break”, uma ferramenta que avisa o usuário se ele passa tempo demais no app. O monitoramento, pensado primeiramente para crianças e adolescentes, permite estabelecer limites de tempo de 10, 20 ou 30 minutos para uso contínuo da rede social.

A iniciativa é um esforço da plataforma para evitar que usuários fiquem tempo demais rolando o feed do Instagram. O “Take a Break” seria uma funcionalidade exclusiva do Instagram Kids, um aplicativo projetado inteiramente para crianças e adolescentes cujo lançamento foi cancelado meses atrás.

Limite de tempo do Instagram tenta evitar que usuários passem tempo demais na rede social (Imagem: Reprodução/Instagram)

O recurso não é nada inédito — aliás, pode até ser desnecessário, pois avisos de tempo de tela já estão embutidos tanto no Android quanto no iOS, de certa forma. Então, um usuário bem informado quanto às funcionalidades do celular sabe que pode limitar o tempo de uso de aplicativos específicos ou de categorias inteiras e, talvez, de forma até mais incisiva do que uma notificação do Insta.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Embora agora combata o consumo excessivo de conteúdo, a plataforma age na contramão dessa medida em outros aspectos. Em 2018, usuários passaram a ser informados quando não havia mais publicações para ver de perfis seguidos, na tentativa de fazê-lo parar de usar o app por um tempo; no ano passado, essa função foi retirada e, no lugar de um feed repetido, foram inseridos anúncios e publicações sugeridas.

O "Take a Break" também aparece no feed, para ajudar o usuário a conhecer a ferramenta sem precisar acessar o menu de configurações (Imagem: Reprodução/Instagram)

Apesar de ser uma função integrada ao aplicativo, o "Take a Break" chega primeiro a pessoas dos Estados Unidos, Reino Unido, Irlanda, Canadá, Nova Zelândia e Austrália. Os demais mercados, incluindo aí o Brasil, receberão o recurso só no ano que vem.

Instagram terá controle parental integrado

Para o 2022, o Instagram tem outras cartas na manga. A plataforma incluirá no app ferramentas avançadas para controle parental, algo que provavelmente também é uma herança do abandonado app infantil.

Com essas ferramentas, pais e responsáveis legais poderão monitorar o tempo de uso da rede social e estabelecer limites via app. A função, neste caso, é melhor que a “Take a Break”, já que possibilita o controle de hábitos da criança ou do adolescente sem precisar do acesso ao smartphone.

Pais e responsáveis poderão ficar ligados no tempo que crianças gastam na rede social, bem como entender como a plataforma funciona (Imagem: Envato/GeorgeRudy)

Mais importante que isso, porém, é visualização de denúncias no app. Sempre que um perfil monitorado por responsáveis denunciar um perfil, os adultos receberão uma notificação sobre a solicitação. A ideia é encorajar que os responsáveis conversem com a criança sobre o ocorrido e prestar apoio, algo indispensável para esse público mais vulnerável a abusos, assédio ou bullying.

Mais armas contra o assédio

Nesse mesmo sentido, o Instagram também estabeleceu novas regras para contas gerenciadas por adolescentes. A partir de agora, esses perfis não poderão ser marcados ou mencionados por pessoas que não são seguidas, evitando assim a atenção indesejada de um assediador.

A opção "Limitar ainda mais" será ainda mais restrita no controle de conteúdo sensível (Captura: Igor Almenara/Canaltech)

As recomendações de hashtags e conteúdos via Explorar também serão mais restritas. O Controle de conteúdo sensível recebeu a opção "Limitar ainda mais" para atender a necessidade de pessoas que não querem esbarrar em conteúdo desagradável ou ofensivo na aba de descoberta da rede social, nas sugestões do algoritmo ou pelo Reels.

Painel educacional do Instagram

Nem todo pai ou responsável entende redes sociais com precisão, mas compreender por onde o filho anda é importante tanto para fortalecer laços familiares quanto para evitar abusos. Pensando nisso, o Instagram prepara também um centro educacional para adultos, em que explicará as ferramentas, comportamentos e outras dicas sobre a plataforma.

Tanto o centro educacional quanto as ferramentas de controle parental são previstas para março deste ano, mas não têm datas exatas de lançamento no Brasil.

Fonte: Instagram

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.