Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Instagram pode liberar músicas na bio do perfil

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 18 de Outubro de 2022 às 17h17

Link copiado!

Montagem: Caio Carvalho/Canaltech
Montagem: Caio Carvalho/Canaltech
Tudo sobre Instagram

O Instagram testa um recurso para permitir adicionar músicas na página de perfil do usuário. A funcionalidade daria aos criadores mais uma forma de entregar conteúdo, com música e pequenas mensagens curtas.

A ferramenta ainda está em desenvolvimento e foi encontrada no código do aplicativo pelo desenvolvedor e leaker Alessandro Paluzzi. Os prints de tela compartilhados dão uma ideia de como a equipe do Insta planeja adicionar essa opção.

Continua após a publicidade

Usuários poderão acrescentar os sons por meio do menu "Editar perfil", onde haverá um novo campo de formulário chamado Música. Será possível escolher qual música vai tocar e adicionar uma legenda com até 40 caracteres.

Essa legenda deve funcionar como uma espécie de atualização de status, pois será exibida na bio. A música selecionada e a respectiva legenda ficarão posicionadas logo abaixo do link, a primeira em cima da segunda. Não se sabe se a música será executada assim que você entrar no perfil ou se a pessoa precisará clicar para exibi-la na página dedicada.

Possivelmente, só será possível adicionar canções já existentes no Insta, como já ocorre nos Stories e vídeos do Reels. Ao tocar no ícone de mais (+), você deve ser guiado a uma tela onde fará a busca pela música desejada. Especula-se que poderia haver interação com serviços de streaming, mas a Meta, dona do Instagram, nunca falou nada a respeito disso.

Será possível adicionar qualquer música no Instagram?

A única certeza é que o upload de faixas músicas está descartado, já que poderia haver problemas de violação de direitos autorais ou usos indevidos, como para espalhar discursos de ódio, palavrões e outros conteúdos indesejados. Já a vinculação ao streaming musical exigiria uma parceria com serviços, talvez nos moldes da atual possibilidade de incluir músicas em Stories e postagens do Feed.

O MSN Messenger oferecia a possibilidade de colocar músicas como status lá nos anos 2000, graças a plugins que ofereciam integração com o Winamp e outros tocadores. O Facebook não permite tocar as músicas, mas deixa você mencionar o que está escutando. Outro exemplo, este bastante irritante, eram as músicas automaticamente reproduzidas ao acessar blogs, o que fazia muita gente levar um susto quando o volume da caixa de som estava alto.

Não seria surpresa se o Instagram trouxesse isso de modo nativo, afinal a plataforma já tem uma boa base de dados musicais graças aos vídeos do Reels. Seria uma forma criativa de aproveitar algo já existente, embora não vá fazer tanta diferença assim na rotina das pessoas.

Continua após a publicidade

A Meta parece bastante saudosista com recursos, querendo trazer coisas do passado para sacudir suas plataformas. Na semana passada, o Facebook começou a sugerir a reutilização de publicações antigas do Instagram para alavancar a audiência.

No começo de outubro, outro teste encontrou uma ferramenta para escrever notas de texto em mensagens diretas. A novidade vai permitir a criação de pequenas interações, recados ou pensamentos entre influenciadores e marcas com seus fiéis seguidores.