Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

X-Men destaca “trisal” Wolverine, Jean e Ciclope no adeus à Era Krakoana

Por| 23 de Novembro de 2023 às 15h35

Link copiado!

Marvel Comics
Marvel Comics
Tudo sobre Marvel

Uma das melhores mudanças realizadas pelo escritor Jonathan Hickman na chamada Era Krakoana dos X-Men foi a construção de uma cultura própria para os mutantes — afinal, se eles existissem mesmo, o comportamento, a visão de mundo e as relações afetivas seriam diferentes do que estamos acostumados a experimentar nas convenções sociais humanas. E um momento marcante dessa fase foi a Marvel Comics finalmente assumindo que Ciclope, Wolverine e Jean Grey formam um “trisal”.

O triângulo amoroso entre Jean, Scott e Logan é uma das dinâmicas mais dramáticas da história dos X-Men, e, já perto dos anos 2020, ninguém mais aguentava essa tensão recorrente e ultrapassada. Depois de tantos anos de tretinhas, não dava mais para engolir o trio vivendo um romance adolescente, principalmente porque, além de eles terem amadurecido bastante, esse tema não cabia mais em uma nova cultura mutante que manifesta uma forma mais sexy e livre de amar.

A nação mutante Krakoa foi estabelecida como uma “utopia” que não precisava seguir a ética opressiva do mundo humano, tornando toda a comunidade mais aberta sobre a sexualidade e diversidade, evidenciada pela relação de mente aberta entre Jean, Logan e Scott.

Continua após a publicidade

E a forma como a Marvel assumiu o “trisal” foi também interessante, sem exatamente declarar abertamente; os sinais estavam ali, de forma natural, como os quartos de Wolverine, Ciclope e Jean conectados no mesmo edifício.

Outra “dica” disso foi o momento em que Ciclope convidou Wolverine para férias na praia. Quando isso aconteceu, Logan chegou dizer: “Imagine Jeannie de biquíni”. Scott respondeu: “E o Scott de sunga”. Eis que o mutante canadense, surpreendentemente completou: "Bem, quem poderia dizer não a isso?”, sugerindo que ambos também se amassam.

Como a Era Krakoana está chegando ao fim, a Marvel fez questão destacar esse momento marcante, com a capa chamada “Farewell Krakoa” (ou “Até logo Krakoa”), produzida por Mahmud A. Asrar para Fall of the House of X #1.