Publicidade

ThunderCats vs He-Man: quem morre no crossover das HQs?

Por| 23 de Outubro de 2023 às 13h40

Link copiado!

DC Comics
DC Comics

O encontro dos sonhos de todos os fãs das animações dos anos 1980 aconteceu em 2017, em publicação da DC Comics: um crossover entre os universos de ThunderCats e He-Man e os Mestres do Universo. Ao longo da minissérie, a trama trouxe uma reviravolta chocante, com a morte de um dos ícones de uma das franquias.

Na época, a publicação teve uma ótima aceitação de público e crítica, a partir de uma perspetiva mais crua e adulta, com uma história cheia de surpresas e sequências hilárias, criadas pelos roteiristas Lloyd Goldfine e Rob David, juntamente com o artista gráfico Freddie E. Williams.

Continua após a publicidade

Em He-Man/ThunderCats, um buraco no céu une os planetas Eternia e Terceira Mundo (ou Terceira Terra). Em seguida, os heróis de ambos são pegos de surpresa quando Mumm-Ra e os Antigos Espíritos do Mal manipulam espaço e tempo para trazer seu mundo perto o suficiente do de He-Man.

Quem morre em He-Man/ThunderCats?

Como todo fã sabe, Mumm-Ra, depois de se transformar, sai daquela versão idosa e baixa-renda para se tornar um monstrão bombado. Embora tenha falhado consistentemente em derrotar Lion-O e seus companheiros ThunderCats pela posse da Espada Justiceira, ele arrancou a espada do Príncipe Adam, o alter-ego de He-Man, e a enfiou direto em seu peito.

Foi uma reviravolta chocante, com a espada atravessando o corpo do herói. Contudo, o Príncipe Adam notou que a Espada do Poder ainda estava tecnicamente em contato com ele. Então, quando pronunciou seu famoso mantra, "Pelos poderes de Grayskull... EU TENHO A FORÇA!", transformou-SE no invencível e superpoderoso que os fãs de He-Man conhecem.

Continua após a publicidade
O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Mas há outra reviravolta nessa história. Bem, a série mostrou que o verdadeiro vilão era ninguém menos que Esqueleto. Foi ele quem realmente fechou o acordo com os mestres místicos de Mumm-Ra para fazer o que a múmia não conseguiu: capturar a Espada Justiceira e a Espada do Poder.

Quando Esqueleto obteve a Espada do Poder de He-Man, ele não era forte o suficiente para manejá-la — os famosos Poderes de Grayskull. Sua solução foi reduzir Mumm-Ra a cinzas e consumi-las como parte de uma poção que lhe concedia força mística adicional.

Assim, Esqueleto convocou Grayskull e recebeu os poderes normalmente reservados para He-Man, e, no momento em que a energia passou para ele, o que o Príncipe Adam recebeu foi perdido, com uma cena tão chocante quanto a espada atravessando seu corpo: o ferimento retornou e ele caiu, sem responder, no chão.

Continua após a publicidade

A história termina com Lion-O devolvendo a Espada do Poder para o Rei Randor e a Rainha Marlena, que estavam de luto pelo filho, em uma conclusão tocante. É claro que morte nos quadrinhos não quer dizer muita coisa, mas, ainda assim, foi um sequência que deixou os fãs dos ThunderCats e do He-Man satisfeitos com um encontro cheio de surpresas e emoção.