Final de Batman: Três Coringas traz revelações e grande segredo do Homem-Morcego

Por Laísa Trojaike | 03 de Novembro de 2020 às 19h15
DC Comics

Alerta de spoilers!

Para quem acompanha os quadrinhos do Cavaleiro das Trevas, não é novidade que o universo assumiu a existência de mais de um Coringa, o que nos conduz à recente graphic novel Batman: Três Coringas. A novidade da vez é que o final da história chegou com mais revelações e reviravoltas, com duas descobertas que não eram esperadas pelos fãs: a identidade do verdadeiro Coringa e um segredo que Batman guarda consigo.

Quem quer que use a Poltrona Mobius Chair terá acesso a todo o conhecimento do Multiverso DC e é a esse objeto que o Homem-Morcego recorre para descobrir a verdadeira identidade do Coringa, mas a resposta não é animadora ao descobrir a existência de múltiplos Palhaços do Crime. Após as batalhas, nos momentos finais da trama, Batman revela a Alfred Pennyworth que sempre soube a identidade do vilão, o que nos faz reinterpretar todo o histórico da dupla de arqui-inimigos.

Imagem: Reprodução/DC Comics

Batman revela que deduziu a verdadeira identidade do vilão apenas alguns dias após seu primeiro encontro. A partir do recurso de flashbacks, o quadrinho indica que o Coringa Comediante (Comedian Joker) é o mesmo comediante mal-sucedido de Batman: A Piada Mortal. Essa revelação leva ao segundo plot twist, que deixa ainda mais complexa a relação de ambos os personagens.

Três Coringas mostra ainda que Batman ajuda pessoalmente a ex-mulher e o filho do Coringa, que sobreviveram aos trágicos eventos do outro quadrinho e agora vivem sob a proteção do Batman no Alasca. Lá, a família vive em completo segredo e longe de qualquer possibilidade de o super-vilão saber onde estão.

Imagem: Reprodução/DC Comics

A verdadeira identidade do Palhaço do Crime sempre foi um dos maiores (e mais deliciosos) mistérios do universo Batman e não é a toa que as adaptações cinematográficas sempre tragam Batmen semelhantes e Coringas tão diversos. Além disso, embora Batman diga que sabe a verdadeira identidade do seu inimigo, ele não chega a citar seu nome ou os nomes dos demais Coringas e, com desdém, trata isso como algo sem significância.

O CBR atenta para o fato de que, em Batman: A Piada Mortal, o Coringa declara que sua história de origem deveria ser de múltipla escolha, o que é levado quase que literalmente por Três Coringas, que traz três das principais encarnações desse personagem. O Comediante, no entanto, é o único Coringa sobrevivente no universo Batman a partir de agora, já que o Clown Joker (Coringa Palhaço) foi morto por Jason Todd e o Criminal Joker (Coringa Criminoso) foi traído pelo Comediante.

Fonte: CBR

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.