Avell lança nova linha de notebooks gamer com Intel Core i9 e Nvidia GTX 16XX

Por Wagner Wakka | 23 de Maio de 2019 às 10h52
Wagner Wakka/Canaltech
Tudo sobre

Avell

Saiba tudo sobre Avell

Ver mais

A Avell lançou nesta quarta-feira (22) a sua nova linha de notebooks chamada de MUV. A grande novidade dos modelos voltados para jogadores é a adição de placas de vídeo Nvidia GTX 16XX junto com a 9ª geração de processadores da Intel.

Os PCs contam com opções da GTX 1650 e 1660 Ti, ambos modelos novos da NVidia apresentados já com a mais recente arquitetura da companhia, a Turing. Com isso, o desempenho prometido na GTX 1650 é de duas vezes mais que a GTX 950M. Já na 1660 Ti, o aumento pode ser de 1,5 vezes mais em relação à GTX 1060, uma das mais populares da companhia.

“Essa é uma oportunidade interessante, pois é uma das raras vezes em que a gente consegue casar os lançamentos com a Avell, Nvidia e Intel em um produto só. Geralmente, o consumidor compra o processador mais novo e, em seis meses, a placa mais nova e vice-versa. É um momento muito bom”, explicou Richard Cameron, presidente da Nvidia no Brasil, em evento realizado em São Paulo.

Segundo Emerson Salomão, diretor da Avell, as três empresas trabalharam juntas por meses para otimizar toda essa tecnologia e colocar nos novos modelos de laptops já próximo ao lançamento de todos esses hardwares.

Ao todo, a empresa apresentou oito modelos, que na verdade são variantes personalizáveis que o usuário pode escolher.

Avell G1550

Avell G1550 (Divulgação/Avell)

Este aparelho chega com dois tipos diferentes de configuração. Ambos chegam com processador Intel Core i7-9750H, 16 GB de RAM DDR4, armazenamento em SSD de 512 GB (com outro slot para HD), teclado mecânico e tela de 15,6 polegadas Full HD com frequência de 144 Hz para jogos.

As duas versões variam apenas em placa de vídeo: a A65 MUV chega com a GTX 1660 Ti, a placa mais recente, mas que se apresenta aqui como opção intermediária. Nesta configuração, o preço inicial é de R$ 7.799.

Já a A65 RTX MUVé a versão mais potente, chegando com a RTX 2060 ou a RTX 2070. Nesta opção, o preço é a partir de R$ 9.799.

Avell G1750

Avell G1750 (Foto: Divulgação/Avell)

Este modelo é bastante parecido com os anteriores. Ele traz o mesmo chipset Intel Core i7-9750H, 16 GB de RAM DDR4, armazenamento em SSD de 512 GB (com outro slot para HD) e o teclado mecânico.

A diferença fica por conta do tamanho da tela, que aqui salta para 17,3 polegadas, e as possibilidades de personalização a nível de placa de vídeo.

As opções aqui são as seguintes. o C65 MUV é a versão de entrada, com tela de 60 Hz e GPU GTX 1650 — embora o consumidor também possa optar por colocar a 1660 Ti. Na configuração mais básica, ele sai por R$ 6.899.

Já o modelo C65 RTX MUV dessa linha conta com tela de 144 Hz e é a opção mais premium. Ele conta com RTX 2060, 2070 ou 2080. Nesta versão, a opção mais básica custa R$ 9.999.

Os modelos podem ser comparados e personalizados no site da Avell.

Mouse

Além da linha de laptops, a empresa também apresentou seu primeiro periférico, o mouse Volcano. Também voltado ao público gamer, o aparelho conta com seis níveis de DPI ajustáveis, até 4 mil.

Mouse Volcano da Avell (Foto: Wagner Wakka/Canaltech)

Ao todo, ele tem 7 botões, contando com dois laterais e dois superiores, também personalizáveis para jogos.

O mouse conta com iluminação RGB, que modifica a cor de acordo com a velocidade, ou simplesmente se ajusta ao seu setup. Junto disso, ele também tem um cabo reforçado, conferindo mais durabilidade.

O Volcano já está disponível e custa R$ 126 no site da Avell.

Expansão

Outro anúncio da companhia foi o início da fabricação de aparelhos em Manaus. A proposta é expandir o mercado, além de tentar baratear o preço de seus produtos no Brasil. A Avell, como empresa do sul do país, conta com uma venda forte digitalmente, mas com poucas lojas físicas.

“O consumidor de laptop gamer geralmente sabe o que quer, entende das configurações. Contudo, estamos falando de um produto premium, que exige um investimento e ele se sente melhor em ir a uma loja e pegar o aparelho. É importante pra gente que as pessoas sintam o material, o teclado. Por isso, estamos querendo expandir nossas lojas físicas pelo Brasil”, explica Cameron.

Para o diretor, as lojas físicas também vão ajudar outros públicos a optarem por um computador da Avell. Atualmente, os modelos da empresa também são usados por arquitetos, artistas digitais e outros profissionais.

Atualmente, a Avell conta com lojas somente em Joinville, Florianópolis e Curitiba.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.