Google Chrome vai consumir menos memória RAM no Windows 10

Google Chrome vai consumir menos memória RAM no Windows 10

Por Diego Sousa | 30 de Junho de 2020 às 08h14

O Google confirmou nesta segunda-feira (29) que o Chrome vai oferecer suporte ao novo gerenciamento de memória do Windows 10 a partir da próxima atualização. As melhorias implementadas prometem reduzir o uso geral de memória em programas Win32 (agora chamado de Windows API), como os navegadores Edge e Firefox, no Windows 10 versão 2004, a mais recente liberada pela Microsoft.

Segundo informações de um programador do Chrome, a mudança já está habilitada na versão mais recente (85.0.4182.0) do navegador. "Posso confirmar que o recurso Segment heap está disponível", afirma. No entanto, como aponta o site Windows Latest, o Google é a segunda empresa a adotar o novo gerenciamento de memória e os testes ainda devem começar no Beta. Ou seja, os usuários finais deverão perceber a novidade somente nos próximos meses.

A Microsoft já incluiu as mudanças no navegador Edge, que é baseado no Chromium, mesma estrutura do rival do Google. Testes internos da empresa confirmaram que houve uma redução de 27% no uso de memória com a nova atualização do Windows.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

De qualquer maneira, vale lembrar que as melhorias deverão funcionar apenas na versão mais atualizada do Windows 10 — então, sugerimos que você mantenha seu PC atualizado.

Fonte: Windows Latest; Chromium.org  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.