10 navegadores alternativos que vão fazer você esquecer Chrome, Firefox e IE

Por Redação

Quando falamos de navegar na web, a grande maioria dos usuários do Windows se divide entre três opções de browsers: Chrome, Firefox e Internet Explorer. Ocasionalmente ouvimos alguém dizer que utiliza o Opera ou o Safari. Mas você sabia que, nem de longe, essas são as únicas opções de navegadores disponíveis no mercado?

Existe um mundo de alternativas voltadas para uma série de características específicas, como games, privacidade, consumo de mídia, entre outros. Se você quer sair da rotina, veja 10 navegadores que podem mudar a sua forma de navegar na internet:

1. Coowon

Foco: Jogos

Baseado no Google Chromium, o Coowon foi criado para ser um navegador voltado aos gamers. E quando dizemos isso, estamos falando de todos os tipos de jogos, desde Ballistic até Farmville. O Coowon é seguro e conta com uma ampla gama de extensões e ferramentas extras.

O navegador vem personalizado com vários plug-ins e hacks diferentes, além de uma barra lateral que facilita a vida do jogador ao trazer recursos como a capacidade de gravar ações do mouse, ferramenta de captura de tela embutida e um ícone que permite alternar entre controles do teclado e gamepad.

Outra funcionalidade muito interessante é o controle de velocidade de acesso às páginas da web, que permite um aumento do desempenho na reprodução dos games. Por meio de um botão localizado na barra de ferramentas do Coowon, é possível determinar a velocidade de atualização dos conteúdos em reprodução tanto para mais como para menos. Na prática, o jogador vai ganhar tempo na hora de montar suas estratégias e evitar ficar travado em animações muito longas.

2. Torch

Foco: Mídia

Também baseado na plataforma Chromium, o Torch é um navegador para os viciados em mídias, como músicas e vídeos. A ideia deste browser é fazer com que o usuário realize todas as tarefas relacionadas às mídias sem preciso usar ou fazer download de programas e ferramentas adicionais.

Para isso, ele oferece várias ferramentas nativas, como um gerenciador de downloads e um player de música que permite montar playlists personalizadas a partir do YouTube – e ele ainda exclui automaticamente os anúncios na hora de reproduzir. Além disso, uma ferramenta embutida permite fazer o download de áudios e vídeos a partir de sites como YouTube e Vimeo, entre outros.

Este browser também é um prato cheio para os viciados em torrents. O client torrent do Torch apresenta todas as funções básicas presentes em programas famosos, como o uTorrent. Para fechar, o navegador também oferece alguns recursos de compartilhamento: basta arrastar o conteúdo da web para a esquerda e você terá uma barra lateral para compartilhar conteúdo nas suas redes sociais.

3. Lunascape

Foco: Amantes de navegadores

Lunascape

O Lunascape é uma escolha interessante para aqueles que não conseguem decidir qual o seu navegador predileto. Isso porque ele pode ser executado em um dos três principais motores de browsers do mercado, incluindo o Trident (Internet Explorer), Gecko (Firefox), e o WebKit (Safari e, anteriormente, Chrome). O Lunascape está disponível em versões para Android, iOS, Windows e Mac OS X.

Trata-se de um navegador gratuito totalmente personalizável e que fornece uma grande quantidade de recursos para melhorar sua navegação. Basicamente, ele combina o melhor do Firefox, Google Chrome e Internet Explorer em um único navegador.

O Lunascape possui botões em todas as partes, além de trazer um feed de notícias que pode ser ajustado para uma variedade de fontes diferentes, como a BBC ou CNN, por exemplo. Ele também tem um leitor de RSS embutido.

4. Comodo IceDragon

Foco: Segurança

Comodo IceDragon

O principal objetivo do Comodo Ice Dragon é melhorar a segurança que o Firefox oferece, mantendo a estrutura já conhecida por todos os usuários.

Criado pela empresa de segurança Comodo e baseado no Gecko, o IceDragon é um dos vários browsers que prometem segurança reforçada. Seus recursos extras incluem o escaneamento de páginas da web em busca de malwares, bloqueio ativo de sites de phishing/spyware e uso do Comodo SecureDNS por padrão.

Semelhante ao Torch, o IceDragon também permite arrastar o conteúdo de uma página da web para compartilhá-lo nas redes sociais, e, no movimento contrário, levar conteúdos das redes sociais para pesquisar na web.

5. Vivaldi

Foco: Usuários avançados

Vivaldi

Atualmente em sua segunda prévia técnica, o Vivaldi é um navegador baseado no Chromium que tem como alvo os usuários hardcore. Ele ainda é um navegador muito simples e traz consigo diversas sugestões de recursos do Opera (o Vivaldi foi desenvolvido pelo cofundador e ex-CEO do Opera).

Entre seus recursos nativos, ele traz o agrupamento de abas, atalhos de teclado, speed dial para acesso rápido aos sites favoritos e um aplicativo de notas embutido.

6. SeaMonkey

Foco: Público old-school

SeaMonkey

Baseado no Gecko, do Firefox, o SeaMonkey existe há cerca de 10 anos e ele ainda pode ser considerado forte, mas esse navegador é uma escolha ideal apenas para os usuários hardcore de internet que desejam quase tudo o que você pode pensar em um único pacote.

O SeaMonkey é uma espécie de all-in-one que integra navegador, cliente de e-mail, cliente RSS, editor HTML e cliente IRC. A única coisa que falta nessa suíte é a capacidade de baixar torrents, mas nada que uma extensão não resolva. Ele está disponível em versões para Linux, Mac, Windows XP e Windows 7.

7. Midori

Foco: Máquinas de baixa potência

Midori

O navegador Midori tem sido uma escolha recorrente para distros Linux destinadas a máquinas antigas, com poder de processamento limitado. Porém, também existe uma versão do browser para Windows, destinada a quem necessita de um navegador leve.

Essa versão traz um Midori bastante simples, desprovido de grandes recursos e ostentando uma interface que lembra muito o XP. Sua principal característica é a agilidade e simplicidade de uso. Existe ainda uma versão portátil, que pode ser executada a partir de um dispositivo USB.

8. Maxthon Cloud Browser

Foco: Multidispositivo e social

Maxthon Cloud Browser

A principal característica do Maxthon Cloud Browser é a sua conta baseada na nuvem, chamada Passport, que sincroniza dados de navegação entre vários dispositivos. Isso é uma característica comum entre os navegadores mais famosos, mas não tão comum no mundo dos navegadores alternativos. Ele também oferece um recurso chamado "Cloud Push" que permite compartilhar conteúdo com seus amigos via e-mail ou mensagem de texto.

O navegador ainda vem com seu próprio leitor RSS, um bloco de notas, AdBlock Plus e um link para o site de jogos do Maxthon. Há também um modo de leitura para que o usuário leia artigos com mais facilidade, sem todas as distrações que um site típico oferece.

Assim como acontece no Lunascape, o Maxthon não é um navegador monomotor, em vez disso ele suporta tanto o Trident quanto o WebKit. Mas, ao contrário do Lunascape, o Maxthon determina qual mecanismo deve ser usado em cada momento.

O navegador está disponível em 26 idiomas e tem versões para Windows, Mac, Android, iOS e Windows Phone.

9. Epic Privacy Browser

Foco: Privacidade

Epic Privacy Browser

Se você gosta do Chrome, mas não gosta de dividir todas as suas informações com o Google e seus anunciantes, então esse navegador foi feito especialmente para você.

Baseado no Chromium, o Epic Privacy Browser não se afasta muito de suas raízes, mas vem com uma série de recursos que aumentam a privacidade, entre eles um proxy embutido, navegação sempre privada e bloqueadores nativos de cookies de terceiros e trackers. O Epic dispensa a integração com contas do Google, por isso não use esse navegador se você deseja sincronizar bookmarks e abas abertas no browser com os servidores da gigante das buscas.

10. Browzar

Foco: Privacidade

Browzar


Ao contrário do Epic, o Browzar foi anunciado como um navegador que permite que o usuário fique online por meio de um PC sem deixar qualquer rastro visível depois. O navegador vem com várias opções de skins e não é instalado no sistema, diferente dos outros navegadores.

Basta clicar no arquivo .EXE e utilizar o Browzar em poucos segundos. Ele também é absurdamente pequeno, com apenas 222 kilobytes. Sua velocidade e tamanho compactos se devem ao fato dele se basear em arquivos nativos do Internet Explorer que já estão instalados no computador para rodar.

Para manter a navegação privada, o Browzar exclui caches de JavaScript, Flash e web; não salva seu histórico de navegação e bloqueia o autopreenchimento.

E você, vai testar alguma dessas opções de navegadores alternativos ou tem uma opção predileta? Conta pra gente nos comentários.