Série O Gambito da Rainha fez venda de jogos de xadrez explodir nos EUA

Série O Gambito da Rainha fez venda de jogos de xadrez explodir nos EUA

Por Ramon de Souza | 05 de Dezembro de 2020 às 10h00
Divulgação / Netflix

O Gambito da Rainha pode ser considerada a mais nova série exclusiva de sucesso da Netflix — mesmo se você ainda não tiver assistido à nova produção, certamente percebeu que suas redes sociais estejam recheadas de comentários positivos a respeito da obra. O enredo, para quem não sabe, gira em torno da jovem Elizabeth Harmon, uma órfã viciada em tranquilizantes e um gênio absoluto em xadrez — sendo capaz, aliás, de derrotar uma equipe inteira de enxadristas de uma só vez. Não é mole não.

O seriado é, de fato, muito bom. Mas esta notícia não está sendo escrita para elogiar a produção cinematográfica; e sim para mostrar que seu sucesso está indo além de encher os bolsos dos figurões da Netflix: segundo o instituto NPD, as vendas de tabuleiros de xadrez aumentaram em 87% desde que O Gambito da Rainha estreou na plataforma de streaming, no finalzinho do mês de outubro. O crescimento no volume de vendas de livros sobre o esporte é ainda maior: incríveis 603%.

“As vendas de livros e jogos de xadrez, que anteriormente estavam estagnadas ou em declínio por anos, aumentaram acentuadamente à medida que a nova série popular conquistou espectadores”, comenta Juli Lennett, consultor mercadológico da indústria de jogos. Outra personalidade que ficou bem feliz com a repercussão do seriado para a cena enxadrista como um todo foi Garry Kasparov, mestre e ex-campeão mundial de xadrez, considerado por muitos como o melhor jogador de todos os tempos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

“Acho que essa série fará um ótimo trabalho em promovê-la ainda mais e espero agora um boom, porque ajuda a refutar a imagem do jogo de xadrez como algo que poderia transformá-lo em um nerd — ou apenas deixá-lo louco”, explica Kasparov. O azerbaijano, inclusive, foi contratado pela Netflix como consultor técnico para a atração, tendo como missão tornar as cenas de partidas mais realistas.

Fonte: Gamespot

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.