Pesquisa do Stack Overflow mostra que 9 a cada 10 desenvolvedores são homens

Por Wagner Wakka | 14 de Março de 2018 às 15h47
Tudo sobre

Google

Hoje, foi divulgada a pesquisa anual do Stack Overflow, um dos maiores fóruns de desenvolvedores e programadores do mundo. O levantamento mostrou preferência na programação com marcas como Google e Apple e desconfiança com Microsoft. Em termos demográficos, a pesquisa também traz um dado alarmante: 92,7% dos entrevistados são homens e 74,2% se consideram brancos.

A pesquisa trouxe 101.592 resultados em 183 países a partir de um formulário de 30 minutos de resposta, com perguntas desde análise demográfica a preferência de plataformas.

O Rust, linguagem de programação criado pela Mozilla, foi a preferida dos desenvolvedores pelo terceiro ano seguido, considerada “a mais amada” por 78,9% das respostas. Destaque para o Go, linguagem do Google, ficou em quinto lugar na mesma lista, com 65,6% de aprovação dos usuários do fórum, acima do Switft, da Apple, em sexto lugar com 65,1% de aprovação.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Outro destaque, porém negativo, ficou para a Microsoft. o Visual Base 6 da empresa foi a recordista na categoria “mais pavorosa”, com 89,9% dos usuário assumindo que não gostariam de continuar a trabalhar com a linguagem.

Já na categoria “mais procurada”, o Python com 25,1% dos programadores dizendo que gostariam de começar a estudar a linguagem. De acordo com o CEO do Stack Overflow, Joel Spolsky, a procura se deve ao fato de que o Python é bastante amigável com desenvolvimento de inteligência artificial, tema que a pesquisa descobriu que está em alta entre os programadores. Pelo documento, o mercado para especialistas em machine learning e cientista de dados está em crescimento, com uma média de salário de 102 mil dólares nos EUA, a quarta maior média da pesquisa. Em contrapartida, os desenvolvedores se mostraram preocupados com inteligência artificial, por acreditarem que ela possa ser usada no futuro para tomar decisões importantes sobre a sociedade.

Fonte: Busness Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.