Faltam US$ 100 bi para que a Apple seja a única empresa trilionária do mundo

Por Redação | 09 de Novembro de 2017 às 16h57
Tudo sobre

Apple

As ações da Apple estão sendo negociadas, atualmente, por aproximadamente US$ 175, o que significa que a Maçã detenha cerca de US$ 900 bilhões no mercado. Se a coisa continuar nesse ritmo, a companhia de Cupertino pode se tornar, daqui a US$ 100 bi, a única empresa trilionária do mundo atual.

Para atingir esta marca histórica, as ações da Apple precisariam subir para cerca de US$ 195 – e um número cada vez maior de analistas de Wall Street acredita que isso acabará acontecendo. Um desses analistas otimistas é Brian White, da Drexel Hamilton, que prevê que a Maçã pode valer US$ 1,2 trilhões dentro de um ano.

Ainda, Amit Daryanani, analista da RBC Capital Markets, crê que a Maçã tenha o potencial de se tornar uma empresa trilionária e, até mesmo, ultrapassando essa avaliação, até o final de 2018. A empresa atualmente tem como alvo o valor de US$ 190 nas ações da Apple.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Outros analistas de Wall Street já vêm prevendo que a Apple atingirá esse valor no mercado desde 2012, mas, quando e se isso acontecer, a empresa não será a primeira trilionária. A Dutch East India Company, fundada em 1602, foi a primeira companhia do mundo a ser avaliada com esta marca, chegando ao valor de US$ 7 trilhões.

Fonte: MacRummors

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.