Publicidade

Estapar conclui a compra da Zul Digital em maior marketplace do setor no país

Por| Editado por Claudio Yuge | 05 de Abril de 2022 às 21h20

Link copiado!

Michael Fouser/Unsplash
Michael Fouser/Unsplash

A franquia de estacionamentos Estapar anunciou a conclusão da compra da autotech nacional Zul Digital. Com a aquisição, a Estapar esperar dobrar sua base de clientes no meio digital, com o acréscimo de 2,8 milhões de usuários da Zul.

O principal produto da Zul é o Zul+, aplicativo de gerenciamento de veículos. Com a plataforma agora se juntando a Estapar, uma expansão da presença digital da franquia de estacionamentos é aguardada, assim como a disponibilização de novos serviços para os clientes atuais, como seguros; pagamento de IPVA, licenciamento e multas; tag para pagamento de pedágio; CRLV digital; informações de valor de mercado para compra e venda de veículos, entre outros serviços que totalizarão 18 funções no aplicativo da empresa.

Continua após a publicidade

“Estamos sempre buscando o que há de mais atual para oferecer aos nossos usuários e expandir a base de clientes. Com essa aquisição, uniremos esforços e todo o know-how das duas companhias para melhorar ainda mais a oferta de serviços. Vamos aprimorar a jornada dos clientes, com ampla gama de produtos. Seremos capazes de resolver todas as questões dos motoristas e adicionar novos serviços de maneira muito ágil, em um só local”, afirma André Iasi, CEO da Estapar.

Planos futuros da Estapar após a aquisição da Zul

Com a aquisição da Zul, a Estapar pretende, no futuro, concentrar todos os serviços de ambas as companhias em um único local, além de desenvolver novas soluções para seus clientes.

Continua após a publicidade

“É importante destacar que a Estapar contará, a partir de agora, com a mesma agilidade, capacidade tecnológica e inteligência de dados presente nas principais startups do país. Esse movimento abre um horizonte enorme e muito promissor para o grupo nos próximos anos, trazendo excelência digital para o mercado auto no Brasil”, afirma André Brunetta, co-fundador da Zul Digital.