Empresa vende orgânicos a preços baixos em São Paulo; conheça

Empresa vende orgânicos a preços baixos em São Paulo; conheça

Por Márcio Padrão | Editado por Claudio Yuge | 05 de Julho de 2021 às 20h20
Sonyachny/Envato Elements

A foodtech Raízs existe há sete anos, mas vem se destacando na pandemia com seu modelo de negócios que consegue reduzir os preços de parte do seu hortifruti. Com isso, diz ter crescido em vendas cerca de 300% no ano passado, em relação a 2019.

A startup acerta diretamente a colheita com o produtor rural, e ela só acontece quando um cliente confirma a compra do alimento. Isso importa bastante nesse setor, pois a logística ajuda a evitar desperdícios e também a baixar o preço das frutas e legumes. Ela trabalha com mais de 800 pequenos produtores.

Em seu site de vendas, os pedidos podem ser avulsos ou em cestas personalizadas com entrega em casa, de segunda a sábado. O preço das cestas vai de R$ 45 (cinco produtos) a R$ 117 (17 produtos). Há frete grátis para pedidos acima de R$ 220, com entrega até o dia seguinte ao pedido.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O preço individual dos produtos pode ser mais barato, mas nem sempre. Como exemplo, 500 gramas de cenoura custam R$ 4,90, enquanto no site Orgânicos São Paulo custam R$ 8,20. O limão também: R$ 7,80 contra R$ 9 do concorrente (500 g nos dois). Mas o maço de couve manteiga tinha o mesmo preço nos dois sites: R$ 5,80.

Em junho, a startup fechou uma parceria com a prefeitura de São Paulo para entregar 23 toneladas de alimentos por mês para cerca de 2 mil moradores vulneráveis da capital. A parceria terá duração de seis meses e espera-se a doação de 23,4 mil cestas. 

Fonte: PEGN, Um Só Planeta

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.