Em vídeo de 2004, Mark Zuckerberg explica o que é o Facebook

Por Redação | 05 de Maio de 2015 às 09h49
photo_camera Divulgação

No ano de 2004, o Brasil entrava na era das redes sociais graças ao Orkut, o primeiro grande site da categoria no país. Na mesma época, nos Estados Unidos, uma outra plataforma ganhava força: o Facebook, do qual muitos brasileiros sequer sabiam da existência. Hoje, 11 anos depois, não é surpresa para ninguém que esse cenário mudou e o serviço de Mark Zuckerberg tomou a dianteira e se tornou a maior rede social do mundo.

De lá para cá, quem acompanha o Facebook sabe que a ferramenta passou por inúmeras alterações, tanto em questão de design quanto de funcionalidades. Esse crescimento é ainda mais perceptível ao assistir o vídeo a seguir, que mostra um Zuckerberg com aparência mais jovem explicando o que exatamente é sua criação e seu funcionamento, que naquele tempo se chamava "The Facebook".

O vídeo foi publicado pelo canal pago da TV norte-americana CNBC. Vestindo uma camisa bem simples, o CEO da plataforma fala sobre os primeiros passos da até então startup. "Quando lançamos, esperávamos mais ou menos 400 ou 500 pessoas. Agora temos 100 mil. Esperamos ter mais universidades no outono, mais de 100 ou 200", disse surpreso com o resultado do serviço.

"O Facebook é um diretório online que conecta as pessoas que estudam na universidade. Você se cadastra, faz um perfil respondendo algumas questões, complementa com algumas informações. Pode ser aquilo que você quiser, como seu número de telefone, interesses por filmes, livros. E o mais importante: [mostrar] quem são seus amigos", comenta. Lembrando que, naquela década, o Facebook ainda era um site focado apenas em estudantes de faculdades e tinha como objetivo facilitar o contato entre os alunos dessas instituições.

De acordo com Zuckerberg, os planos eram "lançar um monte de aplicativos secundários que devem fazer com que as pessoas continuem voltando ao site". Não é novidade perceber que esse planejamento deu certo: dos 100 mil inscritos em 2004, a rede passou para nada menos de 1,44 bilhão de cadastrados e o valor de mercado da empresa americana é de US$ 33,4 bilhões (cerca de R$ 100 bilhões). Além disso, Mark Zuckerberg se tornou uma das pessoas mais ricas do planeta, ocupando a 16º posição do ranking da revista Forbes.

Assista ao vídeo da entrevista (em inglês):

Fonte: CNBC

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.