COVID-19 | Funcionários da Tesla são demitidos por ficarem em casa

Por Stephanie Kohn | 01 de Julho de 2020 às 15h56
Tudo sobre

Tesla

Saiba tudo sobre Tesla

Ver mais

Quando a fábrica da Tesla na Califórnia (EUA) reabriu em meados de maio, o CEO, Elon Musk, tranquilizou os trabalhadores dizendo que não precisariam ir à fábrica se "se sentissem desconfortáveis". No entanto, apesar do comunicado, a companhia demitiu pelo menos cinco funcionários por ficarem em casa, de acordo com o The Washington Post. Três destes colaboradores disseram ao jornal que foram demitidos na semana passada.

A fábrica reabriu em maio, apesar dos pedidos do condado de Alameda, onde a fábrica está localizada, em manter o local fechado. A companhia processou o condado, alegando que suas orientações contradisseram as diretrizes do estado da Califórnia. Na ocasião, Musk ameaçou retirar a fábrica do estado, então as autoridades do condado acabaram permitindo a reabertura da fábrica em 18 de maio e a Tesla desistiu da ação.

Musk enviou um email aos funcionários naquela semana com o objetivo de atenuar as preocupações com o vírus. "Estarei na linha ajudando pessoalmente sempre que puder", escreveu Musk. "Mas, se você se sentir desconfortável ao voltar ao trabalho neste momento, não se sinta obrigado a fazê-lo", dizia o memorando.

No entanto, um funcionário disse ao Washington Post que foi demitido depois de optar por ficar em casa porque seu filho de um ano tem problemas respiratórios. "A palavra [de Musk] não significa nada para seus funcionários", disse. "Ele [Musk] diz uma coisa agora e 10 segundos depois vira as costas para seus funcionários", comentou.

Desde então, os casos de COVID-19 têm aumentado constantemente em toda a Califórnia, inclusive no Condado de Alameda. O local agora tem cerca de 6 mil casos confirmados, contra cerca de 2,5 mil em meados de maio. As autoridades de saúde do condado disseram em comunicado na segunda-feira (29) que estavam "pausando temporariamente os planos de reabertura", mas a fábrica de Musk foi autorizada a permanecer aberta.

A Tesla não fez nenhum comentário sobre o assunto.

Fonte: Business Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.