Assinantes do Spotify terão acesso antecipado aos lançamentos da Universal Music

Por Redação | 04 de Abril de 2017 às 15h51
photo_camera Divulgação

O modelo de negócios do Spotify já foi bastante criticado por outras empresas, especialmente porque a companhia oferece uma modalidade de uso gratuito para os seus usuários. Contudo, a partir de agora, alguns conteúdos chegarão antes para quem paga a assinatura mensal da plataforma de streaming de música mais usada no mundo.

Graças a um acordo entre Spotify e Universal Music Group (UMG), os novos álbuns licenciados pela gravadora chegarão primeiro aos assinantes. Mais precisamente, os discos chegam duas semanas antes para quem paga — além disso, o Spotify agora passará a pagar menos royalties à gravadora.

Segundo comunicado divulgado pelas empresas nesta terça-feira (4), o acordo inclui ainda o “acesso sem precedentes” da UMG a dados de uso da plataforma. Isso pretende ser “a base para novas ferramentas para artistas e selos expandirem, engajarem e construírem conexões mais profundas com os seus fãs.”

Novas maneiras de conectar fãs e artistas

Para o presidente do Spotify Daniel Ek, o acordo vai aprofundar a forma como artistas e fãs se conectam por meio deste novo modelo de distribuição. “Esta parceria é construída sobre um amor mútuo pela música, criando valor para artistas e mais conteúdo para os fãs”, declarou o executivo. “Nós trabalharemos juntos para trazer novidades conectar artistas novos e também os já estabelecidos com um universo cada vez maior de fãs de uma maneira que vai agradar a ambos os lados”, prosseguiu.

Oficialmente, a posição de ambas as companhias é que, dado o fato de que nem todo artista deve ter seu disco lançado da mesma forma, a parceria pretende dar mais flexibilidade à maneira como isso é feito nos dias de hoje. Assim, a decisão final sobre realizar o lançamento antecipado de um novo disco para os assinantes do Spotify vai ficar a cargo dos artistas.

“A partir de hoje, os artistas da Universal podem escolher disponibilizar seus novos álbuns apenas para os assinantes durante duas semanas, oferecendo a eles uma chance de explorar antecipadamente o trabalho criativo completo, enquanto os singles estarão disponíveis no Spotify para o desfrute de todos os nossos ouvintes”, complementou Ek.

Abraçando tendências

A visão da Universal sobre o novo acordo vem como parte de um desafio de abraçar novas tendências e alcançar um crescimento equilibrado dentro deste novo contexto. “Trabalhando lado a lado com estes serviços digitais nos trouxe ao primeiro crescimento real da indústria em quase duas décadas”, declarou. “Atualmente, o streaming é majoritário nos negócios. O nosso desafio é transformar esta retomada em um crescimento sustentável”, concluiu o executivo.

A lista de artistas da Universal inclui nomes como Amy Winehouse, Demi Lovato, Katy Perry, Justin Bieber, Megadeth, Demi Lovato, Queen, Luan Santana, Caetano Veloso, Babado Novo, Alice Caymmi, Chitãozinho & Xororó, Daniel, Edson & Hudson, Ivete Sangalo, Lenine e Marcelo D2 — confira a lista completa.

Fonte: Universal Music Group/Spotify

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.