Amazon promove demissões em massa em sua divisão de videogames

Por Rafael Rodrigues da Silva | 14 de Junho de 2019 às 21h20
Tudo sobre

Amazon

Saiba tudo sobre Amazon

Ver mais

Na quinta-feira (13) a Amazon divulgou um notícia nada boa para quem torce pelo crescimento do mercado de games: a empresa demitiu dezenas de pessoas que trabalhavam no Amazon Game Studios, a divisão da empresa dedicada para o desenvolvimento de jogos de videogame.

De acordo com revelação feita para o repórter Jason Schreier, do site Kotaku, por um dos funcionários demitidos, ao chegar para trabalhar na última quinta eles foram avisados de que tinham 60 dias para encontrar uma função em outros setores da empresa e, se ao término desse período não tiverem conseguido o remanejamento, serão mandados embora com todos os seus direitos pagos.

Além de revelar sobre o período de adequação que a empresa está proporcionando a esses funcionários, a mesma fonte revelou também que alguns dos jogos que estavam sendo desenvolvidos pelo Amazon Game Studios e que ainda não haviam sido revelados ao público foram cancelados junto com as demissões.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Apesar de não revelar exatamente quantos funcionários foram demitidos, a Amazon confirmou que houve sim uma série de demissões de trabalhadores do Amazon Game Studios, afirmando se tratar de uma reorganização da divisão para que a empresa possa cuidar melhor dos projetos que está desenvolvendo, e que irá prestar todo o auxílio necessário para que essas pessoas possam encontrar um novo emprego.

Existente desde 2014, o Amazon Game Studios não possui um histórico dos melhores. A empresa ainda não lançou nenhum jogo no mercado, e todas as contratações de gente de renome que fez nesse período — como Clint Hocking, diretor de Far Cry 2, e Kim Swift, diretora de Portal — deixaram a empresa sem terminar nenhum dos projetos que foram contratados para encabeçar.

Fonte: Kotaku

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.