Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Lago rosa da Austrália tem essa cor por causa de bactérias

Por| Editado por Luciana Zaramela | 10 de Abril de 2023 às 16h15

Link copiado!

twenty20photos/envato
twenty20photos/envato

Você já imaginou um lago rosa, digno de um cenário de um filme de fantasia? Pode parecer muito mais próximo da ficção do que realidade, mas existe um lago totalmente rosa na Austrália: trata-se do Lake Hillier, de 600 metros de comprimento e 250 metros de largura, localizado em Middle Island.

Cientistas já descobriram o porquê dessa cor. A partir de um exame de DNA, cientistas da University of Vermont (EUA) descobriram o porquê dessa cor tão chamativa. As descobertas foram publicadas na plataforma BioRxiv.

Por meio de uma técnica chamada metagenômica, que sequencia todo o DNA em uma amostra ambiental de uma só vez, os pesquisadores descobriram que a cor rosa do lago se deve a uma mistura de bactérias coloridas e algas. As bactérias Salinibacter ruber, por exemplo, são vermelho-alaranjadas, enquanto as algas Dunaliella salina são de um vermelho mais vivo.

Continua após a publicidade

Acontece que o lago contém quase 500 extremófilos — organismos que prosperam em ambientes extremos — incluindo bactérias, arqueas, algas e vírus. A maioria era composta por halófilos, um subgrupo de extremófilos que podem tolerar altos níveis de sal, já que as águas do Hiller são ainda mais salgadas que o oceano.

Como o lago rosa é possível?

O que torna esses micróbios coloridos é a presença de uma pigmentação chamada carotenoide. É justamente essa substância que protege da água extremamente salgada. Mas apesar de ser o mais famoso, o Lake Hiller não é o único lago colorido da Austrália.

Existem outros quatro lagos cor-de-rosa no país:

  • Field of Pink Lakes
  • Hutt Lagoon
  • Pink Lake
  • Quairading Pink Lake

Também é válido entender que a Austrália não é o único país com um lago dessa cor. Há lagos rosados espalhados em países como Azerbaijão, Bolívia, Canadá, Espanha, Estados Unidos, México e Senegal.

Bactérias no lago rosa

Continua após a publicidade

Pesquisadores por trás de um artigo publicado na Environmental Microbiome também afirmam que o lago rosa é oito vezes mais salgado que o oceano, e destacaram a presença de micróbios produtores de pigmentos, incluindo Halobacillus, Psychroflexus e Halorubrum.

Fonte: BioRxiv via New Scientist; Environmental Microbiome