Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Com 44,8 ºC, cidade mineira bate recorde de temperatura no Brasil

Por| Editado por Luciana Zaramela | 21 de Novembro de 2023 às 11h56

Link copiado!

Gerd Altmann/Pixabay
Gerd Altmann/Pixabay

No último domingo (19), a cidade de Minas Gerais, Araçuaí, registrou a maior temperatura da história do Brasil, segundo apontam as estações meteorológicas do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Os termômetros no município chegaram a 44,8 ºC, o que é explicada pelo domo de calor que afetava a maioria do país.

Naquele dia, o calor extremo não ficou concentrado apenas em Araçuaí. Ainda no Vale do Jequitinhonha, a cidade Itaobim registrou 42,8 ºC. No Leste de Minas, Governador Valadares marcou 41,6 ºC. Enquanto isso, na região Norte, Salinas chegou a 41,3 ºC.

Continua após a publicidade

Recorde de temperatura no Brasil

Antes do recorde de 44,8 ºC, o título de temperatura mais quente já registrada no Brasil pertencia ao município Bom Jesus, no Piauí. No dia 21 de novembro de 2005, os termômetros chegaram a registrar 44,7 ºC, segundo o Inmet.

É interessante pensar que, olhando para os registros dos fenômenos climáticos, entre os anos de 2004 e 2005, os efeitos do El Niño também foram registrados no Brasil e ajudam a explicar o porquê do recorde de temperatura em Bom Jesus.

Considerando que o ano mais quente é sempre o segundo do El Niño, como alguns especialistas já afirmaram, 2024 deve ser ainda mais quente para os brasileiros. Em outras palavras, o recorde de Araçuaí pode ser superado. Afinal, além do fenômeno, há o impacto das mudanças climáticas, provocadas pela ação humana e pela emissão de gases poluentes.

Fonte: Inmet