Ubuntu 21.04 vai fechar brecha de segurança que existe desde 2006

Ubuntu 21.04 vai fechar brecha de segurança que existe desde 2006

Por Douglas Ciriaco | 17 de Janeiro de 2021 às 13h00
Davidjunyent/VisualHunt

Diferente da maioria das distribuições de Linux, o Ubuntu permite que o diretório Home de uma conta de usuário seja modificado de forma universal dentro da plataforma, sem colocar tantos entraves entre o utilizador e o conteúdo ali armazenado. Isso, que já foi identificado como bug em 2006, acaba de ser marcado como corrigido na lista de problemas da plataforma e deve chegar ao público com o lançamento do Ubuntu 21.04.

Essa característica, de permitir que qualquer um alterasse o conteúdo de uma pasta Home, tinha uma razão de ser: a ideia era facilitar o acesso e compartilhamento de arquivos em computadores usados por mais de uma pessoa. Contudo, os ambientes cada vez mais conectados à web transformaram esse recurso em uma brecha de segurança.

Para chefe de Tecnologia de Segurança do Ubuntu na Canonical, Alex Murray, esse cenário de computadores com Ubuntu ligados a redes via internet fez com que tal característica deixasse de se tornar uma função para "virar um problema".

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A fim de corrigir a situação, ele sugeriu ainda no ano passado que a permissão para acesso a arquivos da pasta Home ficasse restrita ao proprietário da conta de usuário em questão. A proposta não sofreu qualquer objeção dos demais desenvolvedores que colaboram no projeto e, portanto, foi implementada no pacote que ganhará uma versão estável no Ubuntu 21.04.

Antes disso, ela deve estar disponível também nas versões prévias do novo Ubuntu, cuja versão estável tem lançamento previsto para abril deste ano.

Fonte: Phoronix

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.