Apple é processada nos EUA por incêndio supostamente causado por bateria de iPad

Por Thaís Augusto | 24 de Junho de 2019 às 21h50
Reprodução
Tudo sobre

Apple

Saiba tudo sobre Apple

Ver mais

A Apple está sendo processada nos Estados Unidos pela explosão de uma bateria defeituosa que causou um incêndio em um apartamento em Nova Jersey, matando o morador Bradley Ireland. O incidente aconteceu em 22 de fevereiro de 2017 e a ação está sendo conduzida pela companhia de seguros do complexo residencial.

Na queixa, apresentada na semana passada, a empresa alega que o iPad causou o incêndio e que o dispositivo "era excessivamente perigoso e inseguro para o propósito pretendido em razão de defeitos em seu design e/ou sua fabricação".

O documento ainda diz que a Apple é responsável pelos danos porque sabia – ou deveria saber – que as baterias de lítio dos iPads são ultra-perigosas e "capazes de causar um incêndio, mesmo quando razoavelmente usadas".

Em 2017, incêndio causado por bateria de iPad matou homem em Nova Jersey

Assinam o processo o complexo residencial Union Management e a sua companhia de seguros Greater New York Mutual Insurance Company. O caso está sendo avaliado pelo Tribunal Distrital dos Estados Unidos para o Distrito de New Jersey. As empresas buscam uma indenização "por todos os valores pagos pela Greater New York Mutual Insurance à Union Management", incluindo a franquia de seguro, honorários advocatícios e juros relacionados.

Em fevereiro deste ano, os filhos de Ireland abriram o seu próprio processo civil contra a Apple, apontando a bateria como a responsável pelo incêndio. A diferença entre os casos é que, além de cobrar responsabilidade, a família de Ireland diz que ele "experimentou dor e sofrimento significativos" antes que as queimaduras o matassem.

Na semana passada, a Apple anunciou um recall mundial de algumas unidades do MacBook Pro de 15 polegadas por risco de superaquecimento e explosão. Ao longo dos últimos anos, fabricantes de computadores como a HP, Toshiba e Panasonic enfrentaram problemas similares.

Fonte: The RegisterApple Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.