Buscapé perde processo judicial contra o Google

Por Redação | 11 de Setembro de 2012 às 18h10

A decisão do tribunal no caso Buscapé/Google Shopping foi favorável para a gigante de Moutain View. O texto que relata a decisão judicial diz que o Google não é um monopólio no setor. Segundo informações do site Search Engine Land - que teve acesso ao documento em inglês - o caso foi arquivado e o Buscapé terá que pagar R$30.000 ao Google pelos custos do processo.

A decisão diz que existem diversas outras empresas que oferecem o serviço de comparação de preços online, e quem decide qual prefere usar é o internauta. "A liderança do Google no segmento de buscas no Brasil não pode ser confundido com um monopólio", diz o texto.

Além disso, também se destaca o fato do Google não ser especificamente um site de comparação de preços, como o Buscapé - esta é apenas uma "opção de busca temática" que faz parte do mecanismo. Quanto a prática desleal, outra alegação do Buscapé, ficou definido que Google utiliza uma forma de trazer resultados mais relevantes para o usuário.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O caso

Quando o serviço Google Shopping aterrissou no Brasil no final de 2011, o Buscapé não ficou nada feliz. A ferramenta integra o mecanismo de buscas da gigante da tecnologia com a comparação de preços entre lojas online. Alegando prática desleal, o Buscapé entrou na justiça para processar a empresa de Mountain View.

No processo, que está rolando na 18ª Vara Cível de São Paulo, o Buscapé acusa o Google de priorizar seu serviço de forma artificial nos resultados de busca. O problema todo se deve porque o Google domina 95% do tráfego em sites de busca no Brasil.

As imagens que aparecem no Shopping também incomodam o concorrente, que diz que apenas os resultados da empresa de tecnologia possuem as imagens do Google - que chamam mais a atenção do usuário. O Google alega não ter obrigação de destacar resultados de terceiros, seja com imagens ou posicionamento.

Google versus Buscapé
Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.