uTorrent Desktop Client não vai funcionar no MacOS Catalina

Por Nathan Vieira | 05 de Agosto de 2019 às 14h15

Na tecnologia, as atualizações são muito importantes, já que costumam trazer correções e principalmente melhorias para tornar o produto cada vez mais agradável ao usuário. Quem está buscando atualizações dessa vez é o MacOS, com uma verdadeira revolução em seu sistema operacional para o MacOS Catalina, que está previsto para ser lançado em setembro deste ano a todos os usuários. No entanto, nem todos os recursos são compatíveis com essa nova versão. É o caso, por exemplo, do unTorrent Desktop Client e do BitTorrent Mainline.

Basicamente, os usuários de Mac que pretendem atualizar para o sistema operacional Catalina (versão 10.15 e superior) precisarão utilizar a versão web do unTorrent e do BitTorrent, por meio de um navegador. Esse software foi lançado em 2018, e permite que os usuários baixem e transmitam torrents diretamente em seus navegadores padrão, como o Google Chrome ou o Mozilla Firefox. O funcionamento dessa versão web é bem simples: depois de instalados, os links de torrent são abertos automaticamente pelo uTorrent Web em uma janela do navegador.

A incompatibilidade com o macOS Catalina

Catalina, o novo sistema operacional do macOS, está previsto para ser disponibilizado a todos os usuários em setembro deste ano (Foto: Engadget)

A incompatibilidade entre o uTorrent e o macOS Catalina se dá pela seguinte razão: enquanto o uTorrent está disponível apenas como um aplicativo de 32 bits, a próxima versão do Mac OS Catalina da Apple é compatível apenas com aplicativos de 64 bits. "Portanto, no início de setembro, atualizaremos automaticamente o uTorrent Classic para Mac para o nosso mais novo downloader torrent e player, o uTorrent Web for Mac. Isso é necessário para garantir que nosso software de download de torrent continue funcionando perfeitamente com a Catalina quando milhões de usuários atualizarem para a nova versão”, anuncia a BitTorrent em meio a um comunicado oficial.

A empresa ainda declara ao público: “Começaremos a atualizar os usuários no início de setembro. Se você estiver usando o uTorrent Classic para Mac versão 1.87 ou versão anterior, você será automaticamente atualizado para o uTorrent Web for Mac”.

O fato de que o suporte para aplicativos de 32 bits está sendo finalizado na versão mais recente do MacOS não é necessariamente uma surpresa, já que o público tinha isso em mente há algum tempo e, por esse motivo, uma versão de 64 bits do uTorrent foi colocada na lista de solicitações de recursos no ano passado. No entanto, essa solicitação acabou não recebendo uma resposta oficial por parte da empresa. Como resultado a tudo isso, todos os usuários do novo Mac OS Catalina terão que mover sua atividade de torrent para o navegador ou encontrar um recurso alternativo. Além disso, os usuários que não atualizaram o Mac OS para o Catalina podem continuar usando a versão desktop.

uTorrent

O aplicativo cliente para o protocolo BitTorrent distribuído como adware foi criado em 2005

O uTorrent para Windows foi lançado pela primeira vez em setembro de 2005. Logo depois, ele se tornou o cliente de torrent mais usado, característica que é mantida no aplicativo até os tempos atuais. A princípio, os usuários da Apple ficaram de fora desse recurso, mas depois de três anos a BitTorrent Inc. (empresa responsável pelo desenvolvimento desse aplicativo cliente) lançou a tão esperada versão para o MacOS.

Embora os números oficiais não estejam disponíveis, o uTorrent provavelmente nunca ganhou a impressionante participação de mercado que desfrutava no Windows. Isto é, em parte, devido ao fato de que já existiam vários clientes de torrent do Mac, incluindo Transmission e Vuze. Nos últimos anos, houve muito pouco progresso na frente de desenvolvimento do Mac. A última atualização do cliente remonta ao ano passado, e praticamente não há discussão acontecendo nos fóruns oficiais do Mac. O produto também foi excluído da versão recente do BitTorrent Speed, que funciona apenas para o Windows.

Fonte: Torrent Freak

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.