Polêmica: Trump autoriza que operadoras de internet vendam dados de usuários

Por Redação | 04.04.2017 às 13:33

O polêmico presidente norte-americano, Donald Trump, promulgou, nesta segunda-feira (3), uma lei que dará autorização a empresas de telecomunicações dos Estados Unidos quebrarem as garantias de privacidade de seus usuários. Com a decisão, a partir de agora operadoras como a Verizon, Comcast e AT&T poderão compartilhar dados de seus clientes, como sua localização e histórico de buscas.

De acordo com as informações, o objetivo de Donald Trump é fazer com que as provedoras de internet possam competir de forma justa com o Google e o Facebook, no que se refere aos negócios de publicidade online. Na semana passada, os republicanos já haviam aprovado o projeto, com o intuito de colocar fim ao regulamento dos democratas, que exigia que as operadoras solicitassem autorização de seus usuários para vender dados coletados a anunciantes.

Durante o governo do ex-presidente Barack Obama, as próprias provedoras de internet reivindicavam o fim da privacidade, pois consideravam que as normas do Facebook e do Google eram diferentes das suas. De qualquer forma, quem defende o sigilo dos usuários se opõe fortemente à decisão de Trump. Segundo Jeffrey Chester, diretor executivo do Centro de Democracia Digital, com a promulgação "os norte-americanos nunca estarão a salvo de ter os seus dados pessoais sigilosamente examinados e vendidos".

Fonte: The Independent