IA pode ajudar a criar conteúdo mais confiável na Wikipédia

Por Natalie Rosa | 14 de Fevereiro de 2020 às 22h40
Reprodução

Não há como negar que a Wikipédia, desde que começou a dominar a internet, vem sendo usada como fonte para a busca de qualquer tipo de informação — qualquer uma mesmo. Porém, apesar de existir todo um processo para o cadastro na enciclopédia virtual, ela nunca foi muito bem vista, principalmente por professores e universidades.

Pensando em mudar essa visão e transparecer mais confiança no conteúdo da Wikipédia, pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, o MIT, acreditam que só a inteligência artificial pode gerar informações mais precisas. Em relatório apresentado pela universidade na conferência AAAI, um sistema com a tecnologia pode ajudar a identificar e corrigir partes de texto que precisam ser atualizadas.

Imagem: Reprodução

Assim, a demanda de editores voluntários do site reduziria bastante, pois hoje são eles que tomam conta dos milhões de artigos existentes por lá. Mesmo com os trechos sendo modificados por robôs, o sistema ainda será capaz de manter o tom do artigo, sem entregar que não foi feito por um humano.

No blog oficial do MIT, os pesquisadores contaram que o objetivo é que humanos possam digitar informações atualizadas de qualquer forma, sem se preocupar com estilo ou gramática, deixando o trabalho da criação do texto pela inteligência artificial. "O sistema vai procurar na Wikipédia, localizar a página com a frase atualizada e a reescrever como se fosse uma pessoa", explica a universidade.

Os pesquisadores revelam ainda que o sistema de inteligência artificial pode buscar por novas informações constantemente, sobre vários tópicos que circulam pela internet de fontes confiáveis, e então atualizar os artigos com o que foi descoberto.

A busca funciona da seguinte forma: a inteligência artificial vai buscar por frases em artigos da Wikipedia e, então, frases relacionadas de outros lugares que contem com informações atualizadas. O sistema, em seguida, vai identificar quais palavras precisam ser substituídas, fazendo com que elas se encaixem e façam sentido com o restante do texto.

Fonte: Inverse via MIT

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.