Bing lança PubHub, plataforma que facilitará o acesso a notícias diárias

Por Redação | 07.06.2016 às 23:55

A última novidade do Bing é a criação do PubHub: uma plataforma dedicada a concentrar notícias e facilitar o acesso dos usuários ao que está rolando nas manchetes do dia. O novo portal do motor de buscas da Microsoft pretende “apoiar a comunidade de publicações de maneira que atenda às necessidades dos usuários.”

Se “pegar”, o PubHub poderá ser um ótimo jeito de conferir as notícias do dia, já que temos à nossa disposição uma imensidão de fontes descentralizadas de informações – ou seja, na hora de buscar notícias há quem abra diretamente seus portais favoritos, ou ainda quem prefira conferir “o que está pegando” nas redes sociais. Com uma plataforma dessas, será possível ter acesso às news em um só canal.

Em uma publicação no blog oficial do Bing, a equipe de desenvolvimento do PubHub disse que “na era das notificações por push e posts compartilhados, os publishers encaram uma pressão constante para terem seu conteúdo descoberto pelo maior número de leitores possível.” Sendo assim, o motor de busca que já detém mais de 20% das pesquisas realizadas em desktops nos Estados Unidos deseja fazer com que sua ferramenta também seja utilizada para a caça de notícias. “Quando os publishers enviam seus conteúdos pelo Bing Publisher Network, eles acabam expandindo seu alcance significativamente, aumentando a exposição de suas histórias”, afirmou a equipe do Bing, que oferece notícias a seus usuários também pela assistente pessoal Cortana e pelo Outlook News Connector.

Os interessados em fornecer conteúdos pelo PubHub devem realizar uma inscrição que, assim que aprovada, libera a ferramenta de publicação. Contudo, a Microsoft ressalta que não disponibiliza todo e qualquer conteúdo, utilizando alguns critérios para a aprovação, como nível de interesse da notícia, originalidade, confiança e o quão chamativo é aquele conteúdo. Publicações como tutoriais, anúncios de emprego, colunas de aconselhamento, promoções de produtos e notícias sem fontes verificadas serão descartadas.

Fonte: Bing