Projeto desenvolvido com a Raspberry Pi é capaz de alertar possíveis terremotos

Por Redação | 13 de Julho de 2017 às 16h47

Com o intuito de auxiliar pessoas que moram em zonas de alto risco de terremotos, um grupo de desenvolvedores criou um projeto com uma placa Raspberry Pi, com funções semelhantes a de um sismógrafo, um aparelho muito caro e que geralmente só é utilizado por especialistas.

Trata-se do Raspberry Shake 4D, uma versão melhorada do projeto Raspberry Shake, que recentemente atingiu sua meta de financiamento no Kickstarter.

Mike Hotchkiss, um dos desenvolvedores do projeto, em entrevista para o The Verge, afirma que o aparelho é totalmente compatível com os sistemas EEW (Early Earthquake Warning), capaz de emitir alertas preventivos de terremotos.

O Shake 4D será vendido pelo preço final de US$ 500, sendo que os financiadores do Kickstarter que contribuírem com doações a partir de US$ 300 receberão o equipamento completo. Tal valor pode não ser muito convidativo, mas ainda assim o coloca em um preço muito mais acessível em comparação com os sismógrafos tradicionais.

Além disso, é importante lembrar que o projeto possui um grande foco de distribuição para pesquisadores, cientistas, institutos e organizações governamentais.

"Não há requisitos de instalação especiais ou caros, e não é necessário ser um sismólogo treinado para executar as instalações; basta ajustá-lo, conectá-lo e pronto", afirma Hotchkiss.

A primeira versão do Raspberry Shake já é utilizada por diversos sismólogos profissionais, incluindo a agência estatal Oklahoma Geological Survey, que adquiriu 100 unidades para ampliar sua estrutura de alerta preventivo de terremotos.

Os primeiros modelos do Shake 4D serão entregues aos respectivos financiadores do projeto em outubro deste ano.

Fonte: The Verge