Pesquisadores criam material metálico impossível de ser cortado; assista

Por Ramon de Souza | 20 de Julho de 2020 às 22h45

Pense em algum minério natural ou material artificial que seja resistente e nós encontraremos alguma forma de quebrá-lo. Acredite ou não: até mesmo o diamante, considerado um dos materiais mais rígidos do planeta, pode ser moldado por meio do uso de ferramentas específicas de joalheria — que, aliás, também são feitas de diamantes.

Porém, um grupo de pesquisadores da Universidade de Durham, no Reino Unido, e da Associação Fraunhofer, da Alemanha, afirma ter criado o primeiro material comercial que é sumariamente impossível de ser cortado. O nome desse invento é Proteus.

Indo contra o senso comum, o Proteus não possui uma densidade alta — muito pelo contrário, ele é 85% menos denso do que o aço comum. O segredo está em sua estrutura única, formada por uma mistura de uma espuma metálica de alumínio e esferas de cerâmica. Ao ser atingida por um objeto cortante, essa estrutura cria vibrações que cegam a lâmina instantaneamente.

Como se não fosse o suficiente, finas partículas de cerâmica derivadas da tentativa de corte vão preenchendo a estrutura matricial do metal, tornando-o mais denso de acordo com a demanda “por conta de potenciais interatômicos entre os grãos de cerâmica e a força e energia do disco ou da furadeira que é jogada contra ela mesma, sendo enfraquecida e destruída durante o ataque”.

Por mais que pareça algo saído de um filme de ficção científica, o Proteus é real e está aguardando o retorno de seu pedido de patente; seus criadores pretendem comerciá-lo para a fabricação de trancas para bicicletas, armaduras e vestes protetoras para indivíduos que trabalham com ferramentas cortantes.

Fonte: NewAtlas

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.