Intel confirma novos processadores Rocket Lake-S para início de 2021

Por Felipe Ribeiro | 02 de Novembro de 2020 às 12h12
Divulgação/Intel
Tudo sobre

Intel

Saiba tudo sobre Intel

Ver mais

A Intel confirmou o que muitos já esperavam: a 11ª geração de processadores da Série S, conhecidos como Rocket Lake-S, chegarão ao mercado global no início de 2021, mais precisamengte no 1º trimestre. Entre as novidades, a companhia confirmou que os componentes serão otimizados para games e entusiastas de PC, que terão desempenho superior com relação ao que vimos na 10ª geração, que fora bem avaliada principalmente com o Core i9-10900K.

De acordo com a empresa, os novos processadores se aproveitarão das mudanças promovidas pela arquitetura Cypress Cove para entregar um desempenho superior. Além disso, a Intel explica que houve avanços de IPC para que a performance dos chips chegasse a níveis superiores.

Arquitetura resolve

Os processadores Intel de 11ª Geração para desktops serão construídos com base na nova arquitetura Cypress Cove, projetada para transformar a eficiência do hardware e do software e aumentar o desempenho. Com isso, será possível uma melhoria de desempenho IPC de dois dígitos percentuais e gráficos aprimorados com a arquitetura Tiger Lake integrada nas GPUs Intel Xe.

A Intel também explica que a melhora no IPC auxiliará nos jogos porque eles geralmente precisam de núcleos de alta frequência para geração de altas taxas de quadros e redução da latência. Além disso, o número do IPC melhora o desempenho que a frequência oferece ao executar mais instruções.

Veja abaixo um resumo das melhorias que serão vistas nos Intel Rocket Lake-S:

  • Nova arquitetura Cypress Cove com arquitetura Ice Lake Intel Core e arquitetura de gráficos Tiger Lake
  • Melhoria de desempenho IPC percentual de dois dígitos
  • Melhor desempenho na comparação geração após geração
  • Até 20 pistas de CPU PCIe 4.0 [iv]para maior flexibilidade de configuração
  • Gráficos Intel UHD aprimorados com arquitetura de gráficos Intel Xe
  • Intel Quick Sync Video com melhor transcodificação de vídeo e aceleração de hardware para os codecs mais recentes
  • Novos recursos de overclocking[v] para desempenho de tuning mais flexível
  • Intel Deep Learning Boost e suporte VNNI

A Intel ainda não revelou a data exata do lançamento da nova família de processadores e nem quais serão os preços, mas, como citamos acima, eles chegarão no primeiro trimestre de 2021.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.