Google e Samsung se juntam para desenvolver plataforma Exynos, diz site

Google e Samsung se juntam para desenvolver plataforma Exynos, diz site

Por Felipe Junqueira | 09 de Abril de 2020 às 16h20

Google e Samsung são parceiras há muito tempo, e não só na hora de a sul-coreana usar o sistema Android ou o Chrome OS em seus dispositivos. E essa parceria, segundo reportagem do site coreano ETNews, pode se estreitar um pouco mais com a produção de um novo chipset Exynos, que já estaria em andamento.

Não há menção a nenhum dispositivo específico do Google para adotar a tal plataforma, apenas a certeza que não será reaproveitado nenhum chip Exynos já existente no mercado. A notícia aparece em meio a problemas da Samsung com usuários que fazem petições online contra o uso dos chipsets próprios da empresa nas linhas Galaxy S e Note e até de questionamentos de acionistas sobre uma aparente desvantagem do Exynos 990 sobre o Snapdragon 865.

As poucas informações existentes, ao menos, detalham algumas características técnicas da plataforma. A Samsung deve utilizar o processo de fabricação de 5 nm e utilizar processador de oito núcleos, sendo dois deles com arquitetura Cortex-A78, outros dois com a Cortex A-76 e quatro com a Cortex-A55. O chip gráfico seria o ainda não anunciado Mali MP20, baseado na microarquitetura Borr. Em vez de usar tecnologias Visual Core e NPU da Samsung, o Google teria exigido a inclusão de versões próprias.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A plataforma é aguardada ainda para 2020, mas não há menção da possibilidade de ser utilizada no Pixel 5. O site SamMobile ventila a possibilidade de aparecer, primeiro, em um intermediário, em notebooks baseados em Chrome OS ou mesmo em servidores.

Especula-se que o Google teria conversado com várias fabricantes sobre a possibilidade de criar um chipset personalizado, e se entendeu com a Samsung. Para o futuro, há relatos de que a empresa pode partir para o desenvolvimento de plataformas próprias, sendo que uma equipe já está sendo montada para isso.

Fonte: ETNews, SamMobile

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.