Project Starline | Google cria janela tecnológica que conecta pessoas distantes

Por Felipe Gugelmin | Editado por Patrícia Gnipper | 18 de Maio de 2021 às 23h20
Captura de Tela/Canaltech

As medidas de distanciamento social que fomos forçados a tomar durante a pandemia do COVID-19 mudaram a maneira como interagimos com as pessoas. Se antes era comum visitar parentes e amigos, agora continuamos falando com eles com a distância de uma ligação telefônica ou com a ajuda de uma webcam — algo que o Google considera bom, mas não o suficiente.

Para contornar as limitações impostas pelas tecnologias atuais e aproximar mais as pessoas, a empresa anunciou esta terça-feira (18), durante o evento para desenvolvedores Google I/O, que está trabalhando no Project Aura. A ideia é usar evoluções tecnológicas para criar uma espécie de janela da qual poderemos ver outras pessoas em tempo e escala reais, podendo conversar com elas de maneira natural e retomando interações simples como o contato olho com olho.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O Project Aura engloba pesquisas em visão computacional, aprendizado por máquina, áudio espacial e compressão de dados em tempo real, bem como uma nova tela que cria uma sensação de profundidade e volume que dispensa o uso de óculos tridimensionais. Segundo a empresa, o resultado é uma conversa em que você sente que realmente está conversando compartilhando o mesmo ambiente com outra pessoa.

Como tudo depende de um hardware de ponta para funcionar, atualmente o sistema só está disponível em um número limitado de escritórios do Google. “Acreditamos que esse é o caminho para o qual a comunicação interpessoal pode e deve ir e, com o tempo, nosso objetivo é tornar essa tecnologia mais acessível e acessível”, promete a empresa, que também se comprometeu em trazer algumas das soluções a seus produtos de comunicação.

Imagem: Divulgação/Google

Além de conduzir testes em seus escritórios em São Francisco, Nova York e Seattle, a companhia também está fazendo demonstrações em parceiros em áreas que englobam cuidados com a saúde e mídia. Após a coleta e implementação de feedbacks, o próximo passo para o Project Aura será participar de testes empresarias em um momento posterior de 2021.

Fonte: Google Research Blog

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.