Rumor: Próximo Call of Duty fará parte da série Black Ops durante a Guerra Fria

Por Rafael Arbulu | 20 de Maio de 2020 às 20h50
Tudo sobre

Activision

Saiba tudo sobre Activision

Ver mais

Uma fonte do site Eurogamer afirmou que o próximo lançamento da franquia de tiro em primeira pessoa (FPS) Call of Duty será ambientado na Guerra Fria, período pelo qual ficou conhecida a tensão bélica entre Estados Unidos e União Soviética. O novo jogo virá pela série Black Ops, desenvolvido pelos estúdios Treyarch, e já conta até com um suposto e bem óbvio nome: Call of Duty Black Ops: Cold War.

Ainda não há informações sobre o período exato em que o jogo se ambientará — o consenso histórico é o de que a Guerra Fria “começou” em 1947 e teve seu “fim” em 1991, com o fechamento da União Soviética —, mas o Eurogamer aponta que a publisher Activision já vem dando pistas do lançamento há algum tempo: no seu battle royale Call of Duty: Warzone, a empresa posicionou segredos sobre o período, como um avião de espionagem escondido dentro de um bunker inacessível aos jogadores (ou seja, é óbvio que os jogadores acessaram, por meio de hacks).

Um usuário do Twitter, conhecido por vazar segredos das empresas de jogos, chegou até a criar uma montagem com o novo título. Evidentemente, a arte em si é falsa, mas o nome do jogo bate com os rumores do Eurogamer. A fonte do site não informou nenhuma previsão de lançamento, contudo, o Eurogamer fala em "this year's Call of Duty", o que se traduz, literalmente, para "O Call of Duty deste ano". Então, talvez tenhamos um anúncio do jogo ainda para 2020 — considere essa possibilidade com cautela, pois o novo coronavírus (SARS-CoV-2) vem atrasando muitas coisas.

O jogo mais recente da série foi Call of Duty Black Ops IIII, que dividiu opiniões em 2018 ao ser focado inteiramente no modo multiplayer e abandonando o modo para um jogador. Além desse, em 2019 a Activision lançou um soft reboot de Call of Duty: Modern Warfare, mas este foi desenvolvido pelos estúdios Infinity Ward.

Fonte: Eurogamer

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.