Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

7 jogos de terror no Xbox Game Pass para você curtir no Halloween

Por| Editado por Durval Ramos | 29 de Outubro de 2023 às 10h00

Link copiado!

Reprodução/EA, Bethesda, Kepler Interactive
Reprodução/EA, Bethesda, Kepler Interactive

O terror sempre foi um dos gêneros favoritos nos games desde quando a gente jogava em gráficos poligonais em que era preciso muita imaginação para entender que um monstro era assustador. Com o tempo, as coisas passaram a ficar realmente impactantes à medida que os visuais melhoraram, da mesma forma que o clima e a ambientação sombria e macabra passaram a ficar e mais intensos. E, de todas as épocas do ano, o Halloween é o momento ideal para mergulhar nesse mundo de horror. Por sorte, o Xbox Game Pass tem um catálogo bem robusto de títulos assim.

Além de centenas de jogos de variados gêneros, o serviço de assinatura da Microsoft traz alguns bons games de terror, que vão desde aqueles mais tensos, até aqueles cheios de sangue e sustos do mais absoluto nada. Entre clássicos, novidades e até mesmo aquelas pérolas independentes que estão só à espera de um jogador desavisado, não faltam opções para quem quer testar seus nervos e encher sua cabeça de pesadelos.

Seja nos Dia das Bruxas ou em qualquer outra data do ano, o fato é que o Xbox Game Pass é uma excelente forma de encontrar um novo jogo para se divertir, mesmo que isso signifique tomar susto e sofrer de taquicardia. Afinal, tem maluco para tudo nesse mundo.

Continua após a publicidade

7. Scorn

Scorn é um jogo em primeira pessoa ambientando em um universo sombrio e estranho. Claramente inspirado nas obras do artista H.R. Giger, responsável pela criação do Xenomorfo de Alien - O Oitavo Passageiro, o game coloca o jogador nesse mundo sem nenhuma pista do porque está ali, o colocando para explorar o ambiente perturbador.

Resolvendo quebra-cabeças, você recebe pistas do que está ali, descobrindo novas áreas e entendendo melhor a história daquele mundo bizarro. O problema é que, enquanto você está montando esse quebra-cabeças bizarro, o mundo inteiro à sua volta quer matá-lo da forma mais nojenta possível.

6. Dead Space

Um clássico moderno do terror, Dead Space ganhou um remake bastante competente que chega ao Game Pass mostrando muito o seu valor. O game coloca o jogador no controle do engenheiro Isaac Clarke, que é enviado ao espaço em uma missão de reparo. Ao chegar na nave, encontra sua tripulação completamente massacrada por uma praga alienígena.

Isolado na nave, Clarke precisa encontrar meios de sobreviver enquanto busca uma forma de voltar para casa sem que os alienígenas ponham em risco sua vida e a humanidade. Misturando um clima meio Resident Evil com o já citado Alien: O Oitavo Passegeiro, você tem que lidar com zumbis do espaço em meio a corredores claustrofóbicos e escuros — o que é garantia de tensão e susto.

Continua após a publicidade

5. SOMA

SOMA é um game de terror e ficção-científica que levanta questões sobre identidade, consciência e o que é ser humano. O jogo se passa em uma estação submersa, onde a comida está no fim, não é possível se comunicar com o mundo exterior e máquinas criam consciência, passando a acreditar serem pessoas.

Na pele de um sobrevivente, você deve encontrar outros como você e decidir exatamente que fim a estação tomará. O problema é que criaturas bizarras, robôs enlouquecidos e uma inteligência artificial onipresente se colocam no seu caminho, complicando bastante a sua missão.

Continua após a publicidade

4. The Evil Within

The Evil Within é um game que já nasceu cheio expectativas, já que é um título de terror desenvolvido por Shinji Mikami, o criador da franquia Resident Evil. O game é cheio de ambientes tenebrosos, um clima de constante perigo e tensão e deve agradar em cheio aos fãs do gênero survivor horror.

No game, você controla o detetive Sebastian Castellanos, que após investigar o assassinato de policiais, acaba capturado e preso em um local cheio de criaturas bizarras. Tendo que sobreviver com pouquíssimos recursos, o detetive agora precisa encontrar um jeito de fugir, mas antes descobrir qual força maligna está por trás de todo o caos e terror.

Continua após a publicidade

3. The Evil Within 2

The Evil Within 2 continua a trama do primeiro game, colocando novamente o detetive Sebastian Castellanos no centro da trama. Após perder tudo, ele vê uma chance de salvar sua filha, explorando novamente o mundo de STEM.

Com uma jogabilidade um pouco diferente do primeiro game, The Evil Within 2 ainda traz uma história de terror muito competente, além de apostar forte no clima tenso de terror e suspense.

Continua após a publicidade

2. Hellblade: Senua's Sacrifice

Hellblade: Senua's Sacrifice é um jogo que pode ser considerado de terror pela sua atmosfera extremamente tensa e por conta de alguns visuais bastante perturbadores. O jogo mostra a história de Senua, uma guerreira celta que parte em uma jornada até o inferno viking para salvar a alma do seu marido falecido.

Continua após a publicidade

O game tem um diferencial bastante interessante de ter sido desenvolvido junto a neurocientistas, retratando uma personagem que vive com psicose, ouvindo vozes e vendo coisas que nem sempre são reais. A maneira como isso é colocado no jogo cria um clima único de tensão.

1. Amnesia Collection

A franquia Amnesia já deixou a sua marca no gênero de horror nos games, e você pode aproveitar bem os seus jogos em Amnesia Collection. Essa coletânea traz três jogos da série, Amnesia: The Dark Descent, Amnesia: A Machine for Pigs e Amnesia: Justine.

Continua após a publicidade

Em todos eles, o terror está exatamente no clima complemente assustador, ampliado pelo fato de o jogador não conseguir se defender dos perigos que surgem pelo seu caminho. Correr e se esconder é o máximo que você consegue fazer, criando uma aura de desamparo sem igual.