SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

Final Fantasy 7 Rebirth | 5 motivos para ele ser o jogo mais aguardado do ano

Por| Editado por Durval Ramos | 07 de Fevereiro de 2024 às 15h19

Link copiado!

Divulgação/Square Enix
Divulgação/Square Enix

Final Fantasy 7 Remake foi um lançamento que todos estavam bastante ansiosos para jogar, mas era impossível afastar a possibilidade de a nova versão do clássico RPG ser desastrosa. Com a qualidade do jogo comprovada e sua conclusão completamente insana, os fãs passaram a antecipar a chegada de sua continuação.

Final Fantasy 7 Rebirth chega com muito mais peso que a primeira parte do projeto, mas existem alguns motivos bem específicos pelos quais ele pode, já em fevereiro, ser o maior lançamento dos games em 2024. Conheça alguns dos motivos que o tornam tão esperado assim.

Continua após a publicidade

5. O que mais vai mudar na história?

A conclusão da primeira parte do remake de Final Fantasy 7 deixou os fãs confusos e empolgados, já que em vez de seguir exatamente a trama do jogo original, o game se mostra uma espécie de reimaginação. Essa mudança permitiu que a adaptação tivesse a liberdade de abordar alguns acontecimentos de uma maneira diferente ao longo do jogo, e realmente mudando bastante as coisas no seu final.

Trazendo essa liberdade toda para a história e basicamente falando que agora os personagens têm liberdade para seguirem seus destinos, os fãs começaram a se questionar o quanto Rebirth pode ser diferente do clássico lançado lá em 1997, no PS1.

Continua após a publicidade

A aparição de um personagem específico no final do jogo e em trailers de FF7 Rebirth já deixaram todo mundo bem empolgado com os novos caminhos.

4. O retorno de velhos conhecidos

Final Fantasy 7 Remake trouxe para a party principal Cloud, Barret, Tifa e Aerith, formando o time inicial da história, sem apresentar todo o resto do grupo do jogo. Isso fazia bastante sentido frente ao pedaço da história que a primeira parte do projeto adaptou, ainda mostrando Red XIII, sem poder adicioná-lo em sua party.

Continua após a publicidade

Isso muda em Rebirth, já que além de Nanaki, outros personagens entram em cena, como Cait Sith, Cid e Yuffie, que já tinha estrelado o seu próprio DLC focado em suas aventuras. A presença desses heróis parece bater diretamente no botão da nostalgia para os fãs de FF7 e por si só já seria motivo suficiente para tornar Rebirth imperdível. Só que tem mais um personagem ali que todo mundo estava esperando e ele também vai voltar!

3. Vincent Valentine está entre nós mais uma vez!

Assim como Yuffie, Vincent Valentine era um personagem de Final Fantasy 7 que era meio "secreto", já que o jogador poderia terminar toda a campanha do jogo sem recrutá-los para o seu time. Porém, trazê-los era sempre mais legal e Vincent acrescenta bastante com a sua história, ligada diretamente a Sephiroth.

Continua após a publicidade

Além disso, o personagem era bastante estiloso e se tornou um dos favoritos dos fãs, chegando a ganhar um game solo (esquisito) na forma de Dirge of Cerberus: Final Fantasy VII. Seu retorno em Final Fantasy 7 Rebirth se tornou bastante esperado e, após sua revelação em trailers, ficou impossível não querer jogar logo para incluí-lo na sua party.

2. Zack está de volta!

Um personagem que tem uma presença importante para a história do jogo original Zack Fair tem uma conexão bem próxima a personagens como Sephiroth, Aerith e Cloud, chegando a passar a sua espada para o amigo.

Continua após a publicidade

O membro da SOLDIER chegou a protagonizar o seu próprio jogo, Crisis Core: Final Fantasy 7, e aparecer no filme Final Fantasy 7: Advent Children. Sua participação não era inesperada no remake, mas seu destino sim. Zack morre no jogo original, algo que foi alterado no novo título.

A participação de Zack nos trailers, em acontecimentos inéditos, pode mudar completamente a história de Rebirth, só que ninguém sabe exatamente como isso vai funcionar. E se uma história foi alterada nesse nível, outra também pode…

1. Aerith vai de camisa de saudade eterna ou não?

Continua após a publicidade

Vamos ao motivo principal por trás de tanta expectativa em torno de Final Fantasy 7 Rebirth. Um dos pontos mais importantes da história de Final Fantasy 7 é o sacrifício de Aerith, morta por Sephiroth em um momento crítico da trama. É algo que os jogadores não esperavam e, por muito tempo, sempre existia o papo de que era possível trazê-la de volta (nunca deu).

A morte dela era canônica e bastante necessária para o resto da história se desenvolver, além de ajudar a sacramentar a ameaça e a aura de grande vilão de Sephiroth. Por causa disso, sempre existiu o conselho "Não perca tempo evoluindo a Aerith".

Continua após a publicidade

Só que agora tudo mudou. Ela não só se tornou membro importante da party em Final Fantasy 7 Remake, como toda essa possibilidade de as coisas serem diferentes fez a chama da esperança nascer nos corações dos fãs: será que a Aerith ainda vai morrer em Rebirth? Será que o trauma de milhares de jogadores ao redor do mundo se resolverá em 2024? 

Saberemos a resposta a partir do dia 29 de fevereiro, data em que Final Fantasy 7 Rebirth chega ao PS5.