Com personalização total dos carros, novo Need for Speed chega ainda neste ano

Por Redação | 21 de Maio de 2015 às 14h11

A E3 começa só no próximo mês, mas algumas empresas já estão queimando largada e fazendo seus anúncios um pouco antes da hora. A Electronic Arts, por exemplo, aproveitou que está todo mundo ansioso com a proximidade da feira para revelar seu novo Need for Speed.

Desenvolvido pela Ghost games, o título foi apresentado como um reboot da franquia e um retorno do espírito da cultura das ruas e dos carros. E, embora ele não seja a volta da série Underground, como muitos esperavam, a pegada mais urbana ao estilo Velozes e Furiosos deve ser o cerne do game.

E é curioso ver a produtora tratar o jogo como um recomeço, uma vez que Need for Speed nunca teve nenhuma linha de continuidade para ser zerada. Cada lançamento sempre seguiu uma proposta própria sem depender daquilo que seus antecessores fizeram, se limitando apenas a reproduzir recursos que deram certo. Em tese, seria como fazer um reboot de FIFA.

Ainda assim, o produtor executivo de Need for Speed, Marcus Nilsson, defende essa ideia de recomeço. Segundo ele, muitos fãs gostariam de ver uma sequência de Rivals, mas o estúdio acredita que o jogo não conseguiu abraçar a verdadeira experiência da série e, por isso, decidiu partir do zero.

Por outro lado, muitos dos elementos apresentados no game anterior vão voltar, como o sistema AllDrive que deixa os jogadores sempre conectados, a presença de policiais, uma história que conduz as disputas e, é claro, a ideia de levar seu carro sempre ao limite de seu potencial.

Need for Speed

Para isso, Nilsson destaca um ponto em particular que volta para a alegria dos fãs da franquia: a personalização. De acordo com o produtor, esse é um elemento pelo qual os jogadores sempre foram apaixonados e que esteve ausente dos títulos anteriores. Assim, se a ideia é voltar a abordar essa cultura automotiva, é preciso dar aos futuros pilotos a possibilidade de customizar seus veículos de infinitas maneiras.

Tanto que a Electronic Arts e a Ghost Games estiveram em contato constante com os fãs para ouvir o que eles queriam ver em um novo Need for Speed. E o resultado a gente vai ver ainda neste ano quando o jogo chegar para PC, PS4 e Xbox One, quando poderemos editar não apenas o visual dos carros, mas também seu desempenho e todas as pequenas características que vão deixá-lo diferente de qualquer outro modelo existente.

Need for Speed

Outra promessa que deve animar os fãs é a de que o jogo vai trazer um mundo aberto substancialmente maior do que o que vimos até aqui em qualquer um dos títulos da série, o que deve ficar ainda mais interessante com o uso do AllDrive. Já em relação à história, o produtor não comentou muita coisa, se limitando a dizer que isso vai criar diferentes situações de game design de acordo com as decisões do jogador.

De resto, a EA prometeu trazer mais detalhes sobre esse recomeço de Need for Speed em sua conferência na E3 no próximo dia 15.

Via: Game Informer, PlayStation Blog

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.