Edward Snowden teve treinamento e atuou como espião

Por Redação | 29 de Maio de 2014 às 08h49
photo_camera Divulgação

Edward Snowden é responsável por um dos maiores escândalos de espionagem já descobertos na história, revelando milhares de documentos sobre a vigilância ostensiva praticada pelo governo dos Estados Unidos. Agora, em entrevista ao canal norte-americano NBC, foi a vez dele rebater as críticas que o tentam minimizar como um mero analista quando, segundo ele, seu trabalho para a NSA envolveu treinamento e missões de espionagem. As informações são da agência Reuters.

Em suas declarações, Snowden se definiu como um “especialista técnico” e parte de uma nova onda de ações de inteligência da Agência Nacional de Segurança. A ideia da organização é que sistemas computadorizados podem gerar mais informações relevantes que pessoas em campo e, sendo assim, cada vez mais funcionários dos setores de tecnologia estão sendo enviados em missões ocultas.

Ele próprio participou de algumas destas operações de espionagem, trabalhando fora dos Estados Unidos utilizando nomes falsos e sob o comando da NSA e da CIA. Além disso, ele disse ter recebido treinamento como espião e atuado na instalação de sistemas de vigilância que trabalham em prol do governo dos Estados Unidos na obtenção de informações confidenciais.

Snowden também disse ter dado palestras e cursos em uma academia de inteligência do governo dos Estados Unidos, ensinando novatos sobre o desenvolvimento de soluções e métodos de segurança da informação. O analista diz, ainda, ter tido envolvimento com todos os níveis das organizações de segurança norte-americanas, trabalhando até mesmo no topo da cadeia de comando.

As declarações um tanto quanto inflamadas vieram em resposta às críticas de seus opositores, que, no início de sua tempestade de informações, tentaram minimizar o acesso de Snowden afirmando que ele seria um mero analista de dados. Por meio de seus atos, ele provou ter obtido acesso privilegiado aos sistemas do governo e, agora, se posiciona também como um agente de segurança que, como nas melhores histórias de espionagem, se vê sendo caçado pelas mesmas autoridades que jurou proteger.

Edward Snowden encontra-se atualmente em asilo político na Rússia para escapar de processos judiciais e eventuais represálias devido a seus atos. As primeiras reportagens sobre o escândalo de espionagem da NSA foram publicadas no ano passado pelo jornalista Glenn Greenwald que, agora, se prepara para revelar os nomes de alguns dos alvos da vigilância ostensiva da agência de segurança.

A entrevista completa com Snowden foi ao ar na TV norte-americana na noite desta quarta-feira (28) e a íntegra deve ser liberada na Internet ainda hoje.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.