Tempestade arranca metade do novo foguete Starship da SpaceX

Por Wagner Wakka | 24 de Janeiro de 2019 às 10h10
Reprodução/Facebook

A SpaceX sofreu seu primeiro acidente antes mesmo de iniciar os testes do Starship em 2019. Parte do foguete gigante de aço simplesmente caiu da sua base depois de ser atingido por fortes ventos na noite desta quarta-feira (23). No Twitter, o CEO da empresa, Elon Musk, respondeu a um seguidor confirmando o acidente.

Aparentemente, Musk não estava na empresa quando o problema aconteceu. “Fiquei sabendo. Ventos de 80km/h quebraram alguns blocos que amarravam e a carenagem foi derrubada. Vai demorar algumas semanas para arrumar”, disse o executivo na rede social.

Ao Business Insider, a empresa informou que a parte superior da estrutura se soltou, levando à queda do cone. O acidente aconteceu na base da SpaceX na qual o veículo vem sendo construído.

Um morador da região confirmou que houve ventos fortes naquela noite. “Parecia um furacão. Tudo que a SpaceX fez para se preparar para esta tempestade trabalhou contra eles. Parece que eles bloquearam o vento vindo do sudeste, eles se viraram durante a noite e vieram do nordeste”, informou o morador que não quis se identificar. Ainda, ele disse que o barulho causado pelo acidente foi muito alto.

Uma moradora compartilhou uma foto do cone superior da nave caído perto de uma cerca na SpaceX. A descrição bate com o que informou a empresa.

Ela também mostrou um vídeo em que o Starship aparece sem uma metade.

No último dia 11 de janeiro, Musk havia compartilhado uma foto do foguete em suas redes sociais e informou que era possível que os primeiros testes começassem já em fevereiro. Como dito pelo Twitter, agora o projeto deve se atrasar, ao menos, em mais algumas semanas.

A proposta do Super Heavy-Starship, assim chamado o conjunto da nave e foguete, é fazer viagens privadas para Lua, Marte ou locais na órbita terrestre. Com o veículo tendo problemas para se manter por conta de uma tempestade em Terra, a empresa pode ter dificuldades em garantir a segurança do conjunto.

Fonte: Busness Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.