Sociedade Planetária comemora: LightSail 2 já navega com sucesso sem combustível

Por Patrícia Gnipper | 31 de Julho de 2019 às 22h20

Nesta quarta (31), a Sociedade Planetária divulgou em tom de celebração seu feito histórico mais recente: a nave LightSail 2 já está navegando ao redor da Terra usando apenas sua vela solar, sem necessidade de usar combustíveis para tal. A nave já está elevando sua órbita com sucesso apenas contando com esta tecnologia que usa o impulso dos raios solares para se movimentar.

Na semana passada, a nave lançada há algumas semanas, apenas, iniciou a abertura da vela solar, cujas dimensões totais podem ser comparadas com as de um ringue de boxe. Belíssimas fotos da Terra foram enviadas pela nave recentemente, por sinal.

Nos últimos quatro dias, a LightSail 2 elevou seu ponto orbital, e a equipe de controle da missão confirmou que esse aumento agora somente está atribuído à navegação solar, o que mostra que a nave completou, com sucesso, seu principal objetivo: o de demonstrar a possibilidade de voos espaciais por meio da luz para pequenas naves, como é o caso da LightSail 2, que é um CubeSat pequenininho.

A LightSail 2 mostrando parte de sua vela solar já aberta (Foto: Sociedade Planetária)

"Estamos entusiasmados em anunciar o sucesso da missão do LightSail 2. Nosso critério era demonstrar a navegação solar controlada em um CubeSat, mudando a órbita da espaçonave usando apenas a leve pressão do Sol, algo que nunca foi feito antes.", disse o gerente do programa LightSail e cientista-chefe da Sociedade Planetária, Bruce Betts.

Então, a LightSail 2 agora é a primeira espaçonave a usar uma vela solar para propulsão na órbita da Terra e a primeira a demonstrar a navegação solar em prática. "Carl Sagan falou sobre a vela solar quando eu estava em sua classe em 1977. Mas a ideia remonta pelo menos a 1607, quando Johannes Kepler notou que as caudas dos cometas devem ser criadas pela energia do Sol. A missão LightSail 2 mudará os voos espaciais e o avanço da exploração espacial", declarou o cientista Bill Nye, atual CEO da Sociedade Planetária e que foi aluno de Carl Sagan.

A órbita da LightSail 2 continuará sendo elevada por cerca de um mês e, depois disso, a nave começará a descer em sua órbita, eventualmente entrando na atmosfera da Terra – o que deverá levar um ano para acontecer.

Fonte: Sociedade Planetária

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.