Rússia vai levar dois turistas para a Estação Espacial Internacional em 2021

Por Patrícia Gnipper | 20 de Fevereiro de 2019 às 21h40
NASA

De acordo com comunicado oficial da Roscosmos (a agência espacial da Rússia), o país está prestes a retomar o transporte de turistas à Estação Espacial Internacional (ISS). Os russos chegaram a levar sete civis para a ISS desde 2001, e mais dois turistas deverão fazer essa viagem em 2021.

A agência espacial assinou um acordo com a Space Adventures para tal, com os turistas voando a bordo de uma nave Soyuz em uma viagem de "curta duração". A quantidade de dias de tal viagem e os nomes dos turistas, no entanto, não foram revelados.

Também não se sabe quanto cada um deles vai pagar para custear esse passeio, que certamente não será nada barato, e a Roscosmos espera que esse dinheiro ajude a financiar seus futuros projetos. Vale lembrar que boa parte do dinheiro que a agência russa consegue atualmente vem da NASA, pois os norte-americanos desde 2011 contam com foguetes e naves Soyuz, da Rússia, para o envio de astronautas à ISS, com cada assento custando milhões de dólares — no último lançamento, a agência espacial dos Estados Unidos pagou US$ 81 milhões pelo envio de seu astronauta.

Só que a parceria das duas nações está chegando ao fim por conta do Commercial Crew Program da NASA, que a partir de 2020 contará com as empresas privadas SpaceX e Boeing no envio de astronautas estadunidenses à ISS. Então, a Rússia precisa dar um "jeitinho" para continuar ganhando com transportes à ISS quando a NASA enfim conseguir se independer da antiga rival nesse sentido.

Fonte: Roscosmos

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.