Primeiro spacewalk feito apenas por mulheres acontecerá na ISS neste mês

Por Patrícia Gnipper | 07 de Março de 2019 às 12h36
Tudo sobre

NASA

Saiba tudo sobre NASA

Ver mais

Caminhadas espaciais (ou spacewalks) são riscos necessários quando estamos falando da Estação Espacial Internacional (ISS). Não, os astronautas não decidem "dar um rolê" pelo espaço para se divertir: eles, na verdade, enfrentam muitos perigos à vida e só o fazem quando há a necessidade de conduzir atividades extraveiculares, como reparos na ISS, por exemplo. E, pela primeira vez na história, a NASA realizará um spacewalk apenas com mulheres.

As astronautas Anne McClain e Christina Koch vão fazer uma caminhada espacial no dia 29 de março, com tudo isso sendo monitorado pela coordenadora Jackie Kagey, pela diretora de voo Mary Lawrence e pela engenheira Kristen Facciol no Johnson Space Center, da NASA. Então, não apenas as duas astronautas a fazer o spacewalk são mulheres, como as principais cabeças da equipe de monitoramento também.

As atividades extraveiculares na ISS normalmente duram entre cinco e oito horas e são necessárias para realizar reparos externos na estação, mas também acontecem para que astronautas possam realizar experimentos fora do laboratório, diretamente no vácuo espacial.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

McClain está na ISS com a Expedição 58, que chegou lá em dezembro, e continuará vivendo na estação durante a Expedição 59, quando sua colega Koch chegará no final deste mês. Desde 1998, já aconteceram 213 caminhadas espaciais, sendo que Valentina Tereshkova, da antiga União Soviética, foi a primeira mulher lançada ao espaço em 1963. Já a primeira astronauta norte-americana a entrar nessa história foi Sally Ride, em 1983.

A foto oficial da Expedição 59, da esquerda para a direita: o astronauta canadense David Saint-Jacques, a estadunidense Anne McClain, os cosmonautas russos Oleg Konenenko e Oleg Shkripochka, e os também estadunidenses Nick Hague e Christina Koch (Foto: NASA/Robert Markowitz)

Fonte: Fox News

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.