LightSail 2 abre sua vela solar para se mover pelo espaço sem combustível

Por Patrícia Gnipper | 23 de Julho de 2019 às 18h34

Conforme planejado, nesta terça-feira (23) os controladores da LightSail 2, nave da Sociedade Planetária desenvolvida a partir de um conceito apresentado por Carl Sagan nos anos 1970, implementaram a vela solar da espaçonave. Desta maneira, a partir de agora ela testará no espaço a tecnologia que visa mover pequenas naves pelo espaço sem o uso de combustíveis, contando apenas com a luz do Sol.

Lançada em junho, a LightSail 2 vinha enviando belas fotos da Terra vista de longe enquanto tinha seus sistemas e equipamentos controlados nos preparativos para a abertura da vela solar, o que acaba de acontecer.

Conceito da LightSail 2 totalmente aberta (Imagem: Sociedade Planetária)

A nave é um CubeSat medindo apenas 30 centímetros, mas, com a vela solar totalmente aberta, suas dimensões sobem para o tamanho de um ringue de boxe. A ideia desta missão é testar justamente a viabilidade de pequenas naves e satélites usarem o impulso da luz solar para se moverem, eliminando, então, a necessidade de usar combustíveis. Isso significará não somente uma economia de dinheiro em futuros lançamentos (caso a tecnologia se mostre confiável e eficaz), como também permitirá a liberação de espaço para que naves e satélites levem consigo ainda mais instrumentos e sensores.

A Sociedade Planetária ainda vai receber imagens reais da implantação da vela solar no espaço, o que deverá acontecer nos próximos dias, assim que a nave estiver dentro do alcance de uma estação de comunicação terrestre.

Fonte: Sociedade Planetária

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.