Devido ao coronavírus, OneWeb entra com pedido de falência e demite funcionários

Devido ao coronavírus, OneWeb entra com pedido de falência e demite funcionários

Por Daniele Cavalcante | 30 de Março de 2020 às 13h20
OneWeb

Uma semana após o lançamento de novos 34 satélites, a OneWeb, concorrente do projeto Starlink da SpaceX, entrou com pedido de falência nos EUA e está demitindo alguns funcionários. De acordo com o CEO Adrian Steckel, a crise da empresa é uma consequência direta do impacto econômico causado pela COVID-19, a doença que veio com a pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2).

Este pedido, no entanto, é uma tentativa de proteger os negócios da empresa e seus ativos para que ela continue funcionando enquanto se recupera financeiramente. É que a OneWeb acionou o Capítulo 11 da lei de falência dos EUA, que permite às empresas com dificuldades financeiras continuarem operando normalmente, sob controle de um tribunal, enquanto o prazo para pagar suas dívidas são adiados ou negociados. Caso fosse acionado o Capítulo 7 da mesma lei, o resultado seria o fim das atividades da empresa.

“Nossa situação atual é uma consequência do impacto econômico da crise da COVID-19”, disse Steckel, referindo-se à doença causada pelo coronavírus. É que, desde o início do ano, a OneWeb tem buscado novos investidores, mas as negociações foram interrompidas por causa da turbulência causada pela pandemia.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

(Imagem: OneWeb)

Os funcionários que ainda permaneceram na empresa estão agora focados em gerenciar a constelação de satélites que já começou a ser montada na órbita da Terra. A OneWeb tem como objetivo criar uma megaconstelação inicial de 650 satélites para fornecer acesso à internet para clientes em todo o mundo. Para isso, eles fabricam satélites de conexão banda larga de alta velocidade em sua unidade perto do Kennedy Space Center, da NASA, que fica na Flórida.

Em 21 de março, a OneWeb lançou um terceiro lote com 34 satélites à órbita terrestre no foguete russo Soyuz a partir do Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão. A missão recebeu o nome de “Launch #3 Space Walker” em homenagem ao aniversário de 55 anos da caminhada espacial de Alexei Leonov, a primeira realizada por um humano.

Antes deste lançamento, a OneWeb lançou outras duas frotas de satélites - os seis primeiros foram lançados em fevereiro de 2019 e, um ano depois, em fevereiro de 2020, foram lançados outros 34 satélites. Até o momento, a empresa conta com 74 satélites na baixa órbita terrestre.

Fonte: Space.com

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.